logo
Social
Doinit4Dan recebe certificado de recorde mundial / Foto: Guinness World RecordsDoinit4Dan recebe certificado de recorde mundial / Foto: Guinness World Records
Social 23/07/2021

Equipe de Rugby se reúne para prestar homenagem em memória de um companheiro de equipe

Foram mais de 30 horas de jogo durante um ensolarado final de semana no Reino Unido.

A equipe Hoylake Rugby Club, do Reino Unido, quebrou o recorde de maratona mais longa jogando Rugby Touch. Além do recorde, a celebração em memória de um companheiro, e ex-jogador da equipe, fez com que o time se reunisse depois de anos fora do campo.

Um ótimo, e querido, jogador, Dan Miller jogou pelo Hoylake durante a participação do time em uma competição nacional para clubes juniores do Norte do Reino Unido, no ano de 2001. Em 2020, aos 43 anos de idade, ele faleceu repentinamente devido a um ataque cardíaco, deixando uma esposa e três filhos.

Equipe se reuniu para celebrar a memória de um companheiro – Foto: Guinness World Records

A equipe recorda os momentos da participação de Dan com carinho e, para homenageá-lo, decidiu enfrentar uma partida extrema para conquistar um recorde mundial e dedicar ao companheiro morto. O recorde anterior de partida mais longa de Rugby Touch pertencia à equipe da Universidade de Keele, que em 2017 realizou um jogo que durou 30 horas, 3 minutos e 11 segundos.

Para que a homenagem a Dan fosse completa, seus companheiros decidiram eternizar o número da camisa utilizada pelo amigo durante as partidas. Eles realizaram uma partida com 33 horas, 33 minutos e 33 segundos de duração.

A memória de um companheiro

Durante o campeonato de 2001, a equipe Hoylake chegou à final e conquistou elogios no esporte. Infelizmente, por outros motivos, o time parou de jogar no mesmo ano. No entanto, a ideia de celebrar a memória de Dan fez com que todos se reunissem.

Além de homenagear o amigo com a busca pelo recorde, eles também aproveitaram a oportunidade para arrecadar dinheiro para a WaterAid, instituição de caridade favorita de Dan.

Confira também:

A preparação dos 28 jogadores, de 39 a 59 anos, começou há mais de 1 ano. Foram muitas restrições e muito treinamento para permitir a realização da maratona de Rugby Touch. “Nossas razões para fazer isso foram mais do que apenas alcançar um recorde mundial, o que claro, é a cereja do bolo”, disse Trevor Boult, um dos membros da equipe, em entrevista ao Guinness World Records.

“Também se trata de sermos capazes de mostrar à família de Dan, o que ele significava para nós, como nosso querido companheiro de equipe e amigo, enquanto alcançávamos algo fora do comum em sua memória”, afirmou Trevor.

Para garantir que a equipe cumprisse todas as diretrizes do recorde, um juiz do Guinness World Records participou para garantir que a equipe cumprisse as diretrizes do recorde, além de cumprir as diretrizes de prevenção ao COVID instituídas pelo Reino Unido.

Muitos jogadores de alto nível de todos os esportes, assim como o intérprete de James Bond, Daniel Craig, que é ex-membro do Hoylake, enviaram mensagens de apoio a equipe, batizada de Doinit4Dan e a família de Dan.