Social

Noivos celebram o casamento em uma cerimônia digital

Ayse e Darrin estão separados pelo Oceano Atlântico e enfrentam um fuso horário de cinco horas.

Eles se casaram via Zoom sem nem se conhecerem pessoalmente

Ayse, 26 anos, e Darrin, 24 anos, se conheceram online durante a pandemia. Após um tempo de relacionamento, e sem se conhecerem pessoalmente, o casal comemorou sua união em uma cerimônia realizada pelo aplicativo Zoom.

Conforme notícia publicada pelo The Mirror, os jovens se conheceram depois que Ayse se juntou a um grupo de Facebook com objetivo de formar duplas de correspondência por todo o mundo.

A jovem, que é de Lancaster, conversou com Kenda, de 56 anos. A mulher, que é de Michigan, nos Estados Unidos, mencionou que seu filho, Darrin, tinha quase a mesma idade da jovem e que ele iria gostar de conversar com alguém de outro país.

“É engraçado eu ter conhecido minha sogra antes de conhecer meu marido”, disse Ayse. “Nos demos bem, então quando ela quis me apresentar seu filho, achei uma ótima ideia, embora estivesse um pouco nervosa por ter visto fotos dele e achá-lo adorável”.

Após começarem a conversar, não demorou muito para o relacionamento dos jovens passar de uma amizade para algo mais. “Contei a ele sobre meus hobbies, minha idade, de onde vim, esse tipo de coisa. Sabia que ele era dos EUA, então não esperava nada disso, mas achei que seria interessante conversar”, explica Ayse.

Em pouco tempo eles estavam se falando todas as noites, apesar da diferença de horário de cinco horas entre os dois.

“Foi durante a pandemia, então eu não estava trabalhando por estar de folga, apenas alterei meus horários de sono”, explica a jovem.

O casal nunca se viu pessoalmente

Depois de oficializarem o relacionamento em novembro de 2020, Ayse se planejou para viajar aos EUA para encontrar o namorado pela primeira vez.

No entanto, devido as rígidas restrições de viagens, o encontro foi suspenso. Ao tentar voar para Michigan após passar pelo México, a jovem foi barrada pela imigração e precisou retornar ao Reino Unido.

“Foi doloroso estar tão perto dele na mesma cidade, mas não ter permissão para cruzar a fronteira. Fui colocada no vôo seguinte para casa e chorei durante todo trajeto de volta”, relata a jovem.

O casal tirou de letra os encontros com horários incomuns e por vezes pediram delivery um para o outro. Mas foi em maio de 2021 que o relacionamento avançou ainda mais.

“Quando ele me ligou ele parecia tão nervoso, o que não era de seu feitio, mas logo entendi o motivo quando ele se ajoelhou e me pediu em casamento”, lembra a jovem.

Confira também:

Como sabiam que iria demorar até poderem se ver pessoalmente, eles decidiram se casar o quanto antes, via Zoom. Em 19 de agosto eles se tornaram oficialmente marido e mulher em uma cerimônia virtual, onde amigos e parentes estavam presentes para celebrar com os noivos.

Eles agora aguardam o pedido de visto de Ayse para poderem aproveitar a vida de casados juntos fisicamente. “Nunca imaginei que isso aconteceria comigo. Acho que ninguém esperava que isso acontecesse quando começamos a conversar”.

“Como ainda não nos conhecemos pessoalmente, não conseguimos ter um relacionamento físico, o que significa que nosso casamento é baseado em mais do que isso”, disse Darrin.

“Não é todo dia que você encontra sua melhor amiga e o amor da sua vida na mesma pessoa, então eu não iria deixá-la escapar simplesmente por vivermos em países diferentes”, finalizou o jovem.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos