Social

Funcionários deixam bilhete chocante em protesto motivado por salários extremamente baixos

A nota viralizou rapidamente e incitou diversas discussões sobre os aumentos no custo de vida.

Funcionários fazem greve por causa dos salários baixos

Cansados do salário baixo os funcionários de uma loja deixaram o emprego como forma de protesto. Ao sair eles afixaram uma nota chocante na porta do estabelecimento deixando claro aos clientes o motivo da loja estar fechada.

Conforme notícia publicada pelo The Mirror, o caso aconteceu em uma das lojas Hot Topic no Apache Mall, em Minessota.

Rapidamente a imagem da mensagem viralizou nas redes sociais depois de ter sido compartilhada no Twitter com a legenda: “As pessoas não estão mais aceitando salários de pobreza”.

Funcionários fazem greve em protesto contra salários extremamente baixos

Na nota era possível ler: “Quase todos os nossos funcionários saíram devido à incapacidade da Hot Topic Company de sustentar e dar um salário digno. Não podemos sustentar a nós mesmos e às nossas famílias. Trabalhamos muito e não podemos mais fazer isso. Você não pode pagar seus trabalhadores com paixão. Desculpe o transtorno”.

Funcionários saem do emprego e deixam mensagem na porta

Após a publicação do bilhete nas redes sociais, diversos usuários foram rápidos em comentar a publicação, muitos se identificaram com a postagem e se solidarizaram com os funcionários.

“Apoio total para esses trabalhadores da Hot Topic e para os trabalhadores de shopping fartos em todos os lugares. Um trabalho ‘alternativo’ legal ainda é um trabalho, e como eles escreveram: ‘você não pode pagar seus trabalhadores com paixão’”, comentou um usuário.

Confira também:

Em entrevista, um atual e um ex-funcionário da empresa se posicionaram a respeito da postura dos funcionários ao mobilizarem a greve geral.

“Estamos recebendo apenas uma demonstração insana de apoio internacional”, disseram Elle Driskell e Sarah Sailors.

“Está em todo o mundo; basicamente é uma loucura. E nós realmente apreciamos isso, significa que o mundo está aberto para nós, especialmente para os que passam por momentos difíceis”, declararam.

Driskell, que já trabalhou na loja, informou que os demais funcionários estavam fartos. “O principal problema era que o pagamento não era nada para o que se esperava de nós. Não está tudo bem que as pessoas na gestão trabalhem quase em tempo integral e tenham que escolher no final do mês entre pagar uma conta ou fazer as compras. Isso não está certo.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos