Estilo de Vida

Colágeno: Por que Jennifer Aniston e outras celebridades amam tanto? Conheça os benefícios

De acordo com especialistas, o consumo de colágeno hidrolisado é indicado a partir dos 30 anos, quando a produção do próprio corpo começa a ficar cada vez menor.

Além dos benefícios na pele, o colágeno é indicado também para tratar problemas de saúde como a artrose, pois é uma proteína fundamental para a manutenção de vários tecidos, incluindo as cartilagens e as articulações.

Jennifer Aniston não é a única a ingerir colágeno hidrolisado, mas talvez uma das poucas celebridades que levantam a bandeira e não têm vergonha em falar que consomem diariamente a substância. A atriz de 52 anos tem uma pele e físico de dar inveja em muita gente de 30 e poucos e nunca escondeu que é adepta de tratamentos estéticos, muito embora eles tenham sido feitos de forma muito discreta ao longo dos anos.

Fato é que, nos últimos anos o uso do colágeno se popularizou no Brasil em tratamentos estéticos, para a obtenção de benefícios como melhor sustentação, firmeza e resistência da pele, prevenindo flacidez, rugas e linhas de expressão no rosto. Porém, os benefícios do colágeno vão muito além da parte estética.

Leia mais sobre beleza e bem-estar

Saiba qual o segredo de Meghan Markle para dormir melhor

Foliculite afeta até 83% dos homens negros. Saiba como evitar e como tratar

Skincare: Os benefícios do ácido mandélico para a pele com acne

Skincare: Editora de beleza revela o segredo da pele da mãe de 73 anos

A farmacêutica e professora do curso de Farmácia da Faculdade Anhanguera, Evelyn Santos Cruz, explica que o colágeno é indicado também para tratar problemas de saúde como a artrose, pois é uma proteína fundamental para a manutenção de vários tecidos, incluindo as cartilagens e as articulações. «Há áreas do corpo que sofrem grandes pressões, como as cartilagens, articulações, discos intervertebrais e a estrutura óssea e o uso de suplementos à base de colágeno são excelentes indicações para o seu fortalecimento», comenta a especialista.

De acordo com a farmacêutica, o consumo de colágeno hidrolisado é indicado a partir dos 30 anos, quando a produção do próprio corpo começa a ficar cada vez menor. No entanto, também pode ser usado mais cedo por pessoas que passam muito tempo no sol, que fumam ou que possuem uma dieta pouco saudável, pois esses fatores podem interferir na produção de colágeno no organismo.

Evelyn também explica que alguns alimentos são ricos em colágeno como as carnes vermelhas, frango e peixe, mas é preciso tomar cuidado com os que possuem gorduras saturadas. «Como qualquer alimento, é necessário evitar o excesso, pois neste caso podem provocar aterosclerose, aumento do colesterol, obesidade e problemas cardíacos. Além disso, para que o consumo de colágeno seja bem-sucedido, a orientação profissional é fundamental», finaliza.

Confira alguns benefícios promovidos pelo consumo de colágeno:

• Melhora da firmeza e elasticidade da pele;

• Fortalecimento das articulações, unhas e cabelos;

• Prevenção e tratamento da osteoporose;

• Prevenção do envelhecimento;

• Fortalecimento dos tendões e ligamentos;

• Melhora e controle da pressão arterial;

• Prevenção do aparecimento de úlceras gástricas.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos