logo

A Agência Especial Americana (NASA) divulgou as melhores imagens da Terra tiradas por astronautas desde o espaço no ano de 2020.

Como revelado pela NASA, os homens e mulheres que vivem e trabalham na Estação Espacial Internacional tiram milhares de imagens todos os anos.

E com o auxílio do Centro Espacial Johnson da NASA, foram escolhidas as 20 principais imagens da Terra de 2020. Confira vídeo (compilado):

Em primeiro lugar, foi escolhida a imagem (em destaque na matéria) onde é possível avistar áreas de Cuba, Bahamas, Turks e Caicos e Flórida.

Depois, como detalhado pela NASA, uma espetacular vista de área da Patagônia argentina. Confira o registro impressionante:

Alerta emitido pela NASA

A NASA também emitiu alerta sobre o gigante asteroide ‘2001 FO32’ que passará próximo à Terra no dia 21 de março.

O corpo celeste é o maior asteroide previsto para passar próximo ao nosso planeta em 2021, proporcionando aos astrônomos uma rara oportunidade de dar uma boa olhada em uma relíquia rochosa que se formou no início de nosso sistema solar.

Como revelado, por meio de comunicado, o asteroide fará sua aproximação mais próxima a uma distância de cerca de 2 milhões de quilômetros. Não há ameaça de colisão com nosso planeta agora ou nos próximos séculos.

Durante esta abordagem, o 2001 FO32 passará a cerca de 124.000 km/h – mais rápido do que a velocidade com que a maioria dos asteroides.

A razão para a aproximação extraordinariamente rápida do asteroide é sua órbita altamente inclinada e alongada (ou excêntrica) ao redor do Sol, uma órbita que está inclinada 39 graus em relação ao plano orbital da Terra.

Após sua breve visita, o 2001 FO32 continuará sua viagem solitária, não chegando tão perto da Terra novamente até 2052, quando passará a cerca de sete distâncias lunares.

2001 FO32

Ainda de acordo com informações da NASA, 2001 FO32 foi descoberto em março de 2001 pelo programa Lincoln Near-Earth Asteroid Research (LINEAR), e foi estimado, com base em medições ópticas, em aproximadamente 3.000 pés (1 quilômetro) de largura.

Em observações de acompanhamento mais recentes por NEOWISE , 2001 FO32 parece ser fraco quando observado em comprimentos de onda infravermelhos, o que sugere que o objeto provavelmente tem menos de 1 quilômetro de diâmetro. A análise da equipe do NEOWISE mostra que ele tem entre 440 e 680 metros de largura.

Mesmo que esteja na extremidade menor da escala, 2001 FO32 ainda será o maior asteroide a passar tão perto de nosso planeta em 2021. A última aproximação de grande asteroide foi a de 1998 OR2 em 29 de abril de 2020.

Com informações da NASA

LEIA TAMBÉM: