Social

Pai é acusado de acabar com o Natal da filha após deixá-la de castigo

Ele fez com que a menina limpasse a casa após o Natal depois de descobrir que ela havia enviado um presente cruel para a madrasta.

Um pai decidiu punir sua filha depois que ela entregou um presente cruel para a madrasta, que se recupera de um câncer de mama.

Conforme a publicação feita pelo The Mirror, o homem explicou que está em um relacionamento com sua atual esposa há quatro anos e meio. Os dois oficializaram a união no começo deste ano, depois que ela completou o tratamento para câncer de mama.

Sua filha, de 16 anos, “tolera, mas não aceita” a madrasta, tendo diversos comportamentos passivo-agressivos com ela. Segundo ele, a esposa tem entendido o lado da menina e sido “graciosa e misericordiosa” com a adolescente.

“Houve tensão sobre o feriado e me surpreendi quando minha filha decidiu passar o Natal conosco, já que sua mãe foi visitar a família de seu futuro padrasto”, explicou o homem ao publicar sua história no Reddit.

Ele conta também que sua esposa ficou emocionada com a escolha da jovem e auxiliou no preparo da casa e da refeição de Natal.

“A ceia de Natal correu bem, embora minha esposa parecesse um pouco chateada. Ela se recusou a dizer o que havia de errado até que eu a pressionei. Ela então abriu a caixa de presente que minha filha deu a ela no Natal e havia um sutiã dentro”, conta o homem.

Ele não tolerou a ‘brincadeira’ feita pela filha

Diante da atitude de sua filha, o homem decidiu que ela deveria realizar toda a limpeza da casa quando os convidados saíssem.

Em vez de fazer o que foi dito pelo pai, ela teria então chamado seu meio-irmão para buscá-la. “Eu a peguei na porta, mandei ele embora e disse a ela para começar a limpar. Ela ficou histérica gritando sobre como eu fui cruel ao puni-la no Natal e como minha esposa era insensível e pouco feminina para se ofender com um sutiã”.

Confira também:

“Eu me recusei a participar da birra e me certifiquei de que ela fizesse toda a limpeza, o que minha esposa disse ser muito e me pediu para deixá-la ir para casa, eu insisti que ela não fosse até terminar”, conta o homem.

Segundo ele, a adolescente ainda ligou para sua mãe, que o repreendeu por arruinar o Natal da filha. “Tive uma discussão com ela sobre o que nossa filha fez, mas ela disse que eu fui abusivo e um robô controlado pela minha esposa, mesmo ela tendo pedido para não punir minha filha”.

Os usuários do Reddit pareceram concordar com a atitude do homem. “Ter que limpar é o mínimo que ela deve esperar pelo que fez. Adolescentes podem ser cruéis, mas isso foi além”, escreveu um usuário.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos