Social

Após a morte de seu pai, seus irmãos tentaram entrar em contato mas ela os ignorou

Ela procurou a opinião dos internautas para saber se estava errada em ignorar seus irmãos por parte de pai.

Uma mulher que passou a ignorar seus meio-irmãos após a morte de seu pai recebeu o apoio massivo de internautas após realizar uma postagem no Reddit.

Conforme a publicação feita pelo The Mirror, a mulher foi buscar a opinião dos usuários para saber se ela agia errado ao ignorar seus irmãos após a morte de seu pai.

“Sinto que devo esclarecer que estava no ensino médio quando isso aconteceu, então fui diretamente afetada pela saída do meu pai de nossa casa. Ele deixou de viver conosco e de ser parte da minha vida para mal falar comigo porque sua nova esposa queria que ele nos esquecesse”, escreveu a mulher.

Segundo ela, além de não manter contato, seu pai também não ajudou em sua criação com o pagamento de uma pensão pois “sua nova esposa não queria que ele gastasse dinheiro com elas”.

“Não tenho nenhuma interação com a segunda esposa dele. Falei com ela exatamente duas vezes na minha vida, quando ele morreu no hospital e em seu funeral. Ela parece ser uma mãe decente, mas não estou disposta a ter qualquer tipo de relacionamento com ela, mesmo por causa dos meus irmãos”, escreveu.

Ela não quer manter contato com a nova família de seu pai após a morte dele

A mulher, que tem 37 anos, é mais velha que seus dois irmãos por parte de pai, que têm 14 e 10 anos respectivamente.

“Meu pai deixou minha mãe depois de traí-la com sua mãe. Foi um divórcio terrível e meu pai ficou ausente depois que nos abandonou. Nosso relacionamento não era próximo até que ele foi diagnosticado com câncer no pulmão e morreu em seis meses. Acabamos nos aproximando durante esse tempo e mesmo achando que ele fez algo terrível eu o perdoei antes dele morrer”, escreveu.

Confira também:

Desde a morte de seu pai, ela afirma que seus irmãos a procuraram algumas vezes, mas ela os ignorou. “Eles estão me fazendo me sentir culpara e me perguntaram porque não os amo. Eu disse que não era isso, mas ela não está errada. Não tenho nada contra eles, mas não sinto nada além de vontade de saber que não estão correndo perigo”.

A mulher ainda afirmou que se fosse o caso de os irmãos precisarem de ajuda financeira, estaria disposta à ajudar, mas que não tem intenção de fazer parte regularmente de suas vidas.

Ela termina a publicação questionando os usuários sobre sua atitude e perguntando se ela é uma pessoa ruim por ignorar as crianças.

Segundo a grande maioria, sua atitude é compreensível e “Eles podem não gostar, mas você não é obrigada a ser presente na vida deles. Forçar isso só vai prejudicá-los a longo prazo”.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos