logo
Foco
Estudante de direito Yasmin Martins Videira morreu após ser baleada na frente de casa de festas em MG / Reprodução/FacebookEstudante de direito Yasmin Martins Videira morreu após ser baleada na frente de casa de festas em MG / Reprodução/Facebook
Foco 09/09/2021

Preso namorado de estudante de direito morta com um tiro em frente a casa de festas em Minas Gerais

Polícia diz que ele fez disparo durante briga e acabou acertando a vítima.

Por : Metro World News

A Polícia Civil prendeu um rapaz suspeito de disparar o tiro que matou a estudante de direito Yasmin Martins Videira, de 20 anos, em Frutal, Minas Gerais. Ela estava na frente de uma casa de festas, quando houve uma discussão e ela acabou ferida. O jovem apontado com o autor do homicídio era namorado da vítima, segundo a investigação.

Yasmin morreu no último dia 15 de agosto, no Bairro Progresso. De acordo com a polícia, imagens de câmeras de segurança da região mostraram que dois homens discutiam antes do tiro ser disparado, com ofensas e ameaças de morte.

Leia também:

Testemunhas relataram que a briga entre os dois começou em uma loja de conveniência que fica nas proximidades da casa de festas. Em seguida, ambos seguiram para o local onde estava Yasmin, que chegou a tentar intervir e acalmar os ânimos, mas houve o disparo. A jovem foi ferida na nuca, socorrida e levada ao Hospital Municipal Frei Gabriel, mas não resistiu e morreu.

Após o crime, os dois suspeitos fugiram do local. No entanto, dias depois ambos foram identificados e eram procurados. Um deles se apresentou à polícia e deu sua versão dos fatos. Já o segundo, que era namorado de Yasmin, fugiu e acabou sendo preso em Fortaleza, no Ceará.

A polícia concluiu que o rapaz foi o autor do tiro. Ele já havia sido indiciado por doloso com erro na execução, já que o disparo não era para ter acertado a vítima e, sim, o desafeto na discussão. Agora, o jovem deve prestar depoimento ainda em Fortaleza e, em seguida, será encaminhado a um presídio em Minas Gerais.

Luto

Yasmin estudava direito na Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG). A instituição de ensino superior publicou uma nota lamentando a morte da estudante logo após o crime.

“É com profundo pesar que a Unidade Frutal da Universidade Estadual de Minas Gerais comunica o falecimento da aluna do 3° período de Direito (noturno), Yasmin Martins Videira. Aos familiares e amigos, nossos sentimentos”, disse a instituição.