logo
Restaurantes agora podem servir álcool até as 22h / Danilo Verpa/FolhapressRestaurantes agora podem servir álcool até as 22h / Danilo Verpa/Folhapress
Foco 07/07/2021

Shoppings, bares e restaurantes de São Paulo têm horário de funcionamento ampliado

Por : Metro World News

O governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (dia 7) a ampliação do horário de funcionamento dos shoppings, bares, restaurantes e demais atividades econômicas no estado de São Paulo das 21h para 23h. A medida vale a partir do dia 9 (sexta-feira)

Apesar da flexibilização do horário de funcionamento do comércio, de acordo com o anúncio feito pelo governador João Doria durante entrevista coletiva realizada no Palácio dos Bandeirantes, o estado continuará na fase de transição do Plano São Paulo até 31 de julho.

A taxa de ocupação das atividades de comércio e serviços também será ampliada dos atuais 40% para 60%, sempre mantendo os protocolos sanitários de distanciamento e proteção contra a covid-19.

O toque de recolher continua valendo em todo o estado de São Paulo, agora das 23h às 5h da manhã. Dessa forma, o rodízio de veículos da Capital também será alterado para funcionar no mesmo horário, de acordo com o calendário de placas.

LEIA TAMBÉM:

EVENTOS MODELOS

Foi anunciado ainda nesta quarta-feira que o estado de São Paulo vai realizar a partir de 17 de julho 30 eventos modelos com pessoas vacinadas para testar a retomada gradual do setor.

Os eventos nas áreas de cultura, negócios, lazer e turismo terão testagem obrigatória para covid-19 e rígidos protocolos sanitários e de monitoramento dos participantes. “O objetivo é impulsionar uma retomada gradual e segura do eventos, setor profundamente abalado pela pandemia de covid-19”, disse Doria,

AULAS PRESENCIAIS

Outro tema que foi abordado na coletiva foi o retorno presencial das aulas no ensino técnico e superior a partir de 2 de agosto em todo o estado.

As universidades e faculdades públicas e privadas poderão retornas às aulas seguindo protocolos sanitários e com taxa de ocupação de 60%.