logo
/ Foto: Reprodução / PJCMT
Foco 09/06/2021

Doceria vendia trufas e biscoitos recheados com maconha

Um casal que residia na cidade de Sorriso, no Mato Grosso, foi condenado a 14 anos de prisão por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.

A condenação remete ao caso ocorrido em outubro do ano passado, quando agentes a polícia foram informados que a confeitaria ‘Feito com Amor Gourmeteria’, do casal Luiz Renato Gomes Filho e Tecla Karoline Pukaleski, era na verdade uma fachada para venda de drogas.

LEIA TAMBÉM:

Após a investigação, o casal não vendia drogas, mas doces de drogas. Eram trufas de maconha, biscoitos recheados com a droga e até mesmo barras de chocolate recheadas, vendidas apenas para ‘clientes especiais’.

Foto: Reprodução / PJCMT

Na batida, a polícia encontrou 21 trufas recheadas, 44 biscoitos recheados com a erva, três barras de chocolate batizadas e outros doces. Foram encontrados na confeitaria ainda três quilos da droga, 15 porções de maconha embaladas para venda, um tubo recheado de erva e mais uma porção de cocaína, balanças de precisão e R$ 964,50.

Na decisão, a juíza que deu o veredicto disse que os dois são dependentes químicos com passagens por clínicas de reabilitação resolveram unir os dotes culinários de Tecla, que é confeiteira, com o tráfico, e criaram uma ‘boca de fumo’ travestida e confeitaria para ganharem dinheiro e sustentarem seu vício.