Entretenimento

Revelada a próxima aparição pública de Meghan Markle

A duquesa de Sussex participará de um evento na próxima terça-feira, 9 de novembro.

No próximo dia 9 de novembro, a duquesa de Sussex discutirá sobre “paridade econômica e profissional” para mulheres no DealBook/ Online Summit, um evento do New York Times. Meghan Markle estará acompanhada pela empresária americana, Mellody Hobson, que é presidente e co-CEO da Ariel Investments e presidente da Starbucks Corporation.

De acordo com a agenda do evento: “Duas figuras inovadoras se juntam a nós para discutir soluções de cima para baixo e refletir sobre como suas experiências compartilhadas influenciaram seu pensamento sobre a criação de oportunidades para outras pessoas”.

Meghan provavelmente falará sobre seu recente apelo aos congressistas americanos sobre a aprovação de leis que regulem a licença parental remunerada. No final de outubro, Meghan Markle escreveu uma carta aberta a dois legisladores democratas norte-americanos em nome de pais e mães apelando sobre projetos de lei que garantam uma licença parental remunerada. Meghan endereçou seu apelo para Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos Representantes, e para Chuck Schumer.

Leia +

Em seu primeiro discurso como presidente eleito, em 28 de abril deste ano, o presidente Joe Biden apresentou os detalhes de seu Plano para as Famílias Americanas, que inclui verba para oferecer licença maternidade e paternidade para milhões de pessoas. Hoje, apenas cerca de 21% dos trabalhadores americanos têm acesso à licença familiar remunerada por meio de seus empregadores. Isso torna os Estados Unidos o único país rico que não oferece um programa nacional de licença parental remunerada.

Segundo o The Sun, a duquesa de Sussex refletiu sobre a sorte que teve de poder tirar uma folga com Harry após o nascimento de Lili em junho. Ela disse: “A licença remunerada deve ser um direito nacional, em vez de uma opção de manta de retalhos limitada àqueles cujos empregadores têm políticas em vigor ou àqueles que vivem em um dos poucos estados onde existe um programa de licença. Se vamos criar uma nova era de políticas voltadas para a família, vamos nos certificar de que inclua um forte programa de licença remunerada para cada americano que seja garantido, acessível e encorajado sem estigma ou penalidade”.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos