Entretenimento

Especialista comenta sobre saúde da Rainha e diz que “a idade não deve ser o único fator a determinar as atividades de alguém”

Rainha precisou cancelar seus compromissos nesta semana por recomendação médica.

Após ter tido seus compromissos cancelados esta semana por recomendação médica, a Rainha Elizabeth deixou de ir a uma viagem que havia sido programada à Irlanda do Norte e optou por seguir o conselho de seus médicos. A monarca do Reino Unido tem 95 anos e, conforme divulgou o comunicado oficial do Palácio de Buckingham, ela ainda deve participar da conferência sobre mudança climática COP 26 em Glasgow no final deste mês.

De acordo com informações da BBC, um porta-voz do Palácio de Buckingham disse: “A Rainha aceitou relutantemente o conselho médico para descansar nos próximos dias. Sua Majestade está de bom humor e está desapontada por não poder mais visitar a Irlanda do Norte, onde deveria assumir uma série de compromissos hoje e amanhã. A Rainha envia seus mais calorosos votos ao povo da Irlanda do Norte e espera visitá-la no futuro”.

Em entrevista à Hello! Magazine, a médica Isabella Kent, do Serviço de Saúde Nacional do Reino Unido (da sigla em inglês National Health Service), disse que “a idade não deve ser o único fator a determinar o horário e as atividades de alguém. Em vez disso, devemos pensar sobre o quão frágil uma pessoa idosa é (ou seja, a quantidade de resiliência e reserva física / mental que eles têm para suportar estressores externos). Uma pessoa pode ser mais velha em idade, mas não frágil e, portanto, perfeitamente capaz de fazer atividades que seus eus mais jovens eram capazes”.

A especialista acrescenta que se “um indivíduo geralmente está em forma e bem, não há razão para que ele não deva continuar com a atividade física regular”, então se a Rainha se sentir em boa forma, não deve haver nenhuma razão para que ela não deva continuar com seus compromissos oficiais.

Leia +

Mas ela também chamou a atenção para os fatores de risco que idosos devem ficar de olho. “Os adultos mais velhos nessa faixa etária são particularmente suscetíveis a condições como doenças cardíacas e ósseas. Apesar de estar ocupada, a Rainha deve ficar de olho em coisas como sua pressão arterial, pois se ela estiver alta, pode causar problemas cardíacos”.A médica também ressaltou que o convívio social é um ótimo aliado contra os problemas de memória. “A Rainha tem muito apoio ao seu redor, tanto em termos de família quanto de assistentes. Infelizmente, muitos idosos vivem em completo isolamento, longe de familiares ou amigos e com pouco ou nenhum apoio extra em casa. Isso pode ter um grande impacto em sua saúde física e mental”.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos