Social

Papa Francisco diz que “prazer sexual é um presente de Deus”

Durante Audiência Papal desta quarta-feira (17), chefe da Igreja Católica disse que o cristianismo “não condena o instituto sexual” e que o prazer sexual deve ser valorizado

Papa Francisco no Vaticano

Em Audiência Papal realizada na manhã desta quarta-feira (17) na Sala Paulo VI, em Roma, Papa Francisco falou sobre vício e luxúria e disse que o prazer sexual é um “presente de Deus”.

De acordo com o chefe da Igreja Católica, o cristianismo “não condena o instinto sexual”. Ele também diz que o prazer sexual deve ser valorizado, contudo ele acaba “minado pela pornografia” pois a “satisfação em relacionamento” pode gerar “formas de dependência”.

“Vencer a batalha contra a luxúria, contra a “objetificação” do outro, pode ser uma empreitada ao longo da vida. O verdadeiro amor não possui, ele se doa; servir é melhor do que conquistar. Porque se não há amor, a vida é triste, é uma solidão triste”, comenta Papa Francisco.

LEIA TAMBÉM: Momento fofura: cavalo-marinho dá à luz a mais de 300 filhotes e vídeo encanta web

Ainda no discurso, o argentino falou sobre castidade e abstinência sexual, e disse que ambos são coisas distintas.

“Quantos relacionamentos que começaram da melhor maneira possível acabaram se tornando relações tóxicas, de posse do outro, carentes de respeito e senso de limites? Devemos defender o amor, o amor do coração, da mente, do corpo, o amor puro no ato de se entregar ao outro. E esta é a beleza da relação sexual”.

*Com informações de O Globo.

⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅ ⋅

LEIA MAIS:

Relembre todos os 23 campeões do Big Brother Brasil

VÍDEO: Menina de 12 anos é deixada em rua após ser morta; família diz que ela sofreu abuso sexual

Advogada é indiciada por matar o ex-sogro e a mãe dele envenenados; confira a lista de crimes

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos