Social

Filho de médico é acusado pela morte de uma das pacientes de seu pai

O jovem fez amizade com a senhora de 97 anos com a intenção de roubar seu dinheiro.

Filho de médico assassina uma das pacientes de seu pai

Sandeep Patel, de 38 anos, recebeu uma sentença de 20 anos de prisão pelo assassinato de Annie Temple, de 97 anos. O crime aconteceu na casa da senhora em outubro de 2019. Patel é viciado em jogos de azar e perseguia a idosa, que era uma das pacientes de seu pai, em troca de dinheiro.

Conforme divulgado pelo The Mirror, o juiz Michael O’Grady sentenciou Patel a prisão perpétua no Supremo Tribunal de Glasgow. Ele alega que durante o julgamento do rapaz não viu indícios “de remorso, arrependimento ou humanidade”.

Ao proferir a sentença, ele disse: “O mínimo que Annie poderia ter esperado era uma morte digna e pacífica. Mas você a privou disso. Você causou a ela uma morte cheia de confusão, dor e terror. (…) Matar uma mulher de 97 anos que o abraçou como amiga dessa maneira, em sua própria casa e cama, com tamanha crueldade, é uma maldade além de qualquer descrição”.

Patel participou da audiência por meio de uma transmissão de vídeo realizada da prisão, não tendo apresentado qualquer emoção ao escutar a sentença.

Annie, conhecida como Nan, morava sozinha em sua casa em Kinglassie. Ela era visitada frequentemente pela mãe de Patel. Ele costumava auxiliar a aposentada com algumas tarefas diárias, inclusive comprando e levando frutas para ela.

Aposentada era uma das pacientes do pai de Patel

A polícia encontrou Annie morta em sua cama. Por conta de sua idade, a morte a princípio não foi tratada de forma suspeita. Depois da realização de exames foi constatado que a aposentada faleceu em decorrência de traumas em sua cabeça e corpo, além de ter as vias aéreas “obstruídas e contraídas”.

Antes de ser detido, Patel morava com sua mãe em Cardeden. Wendy Bradbury, amiga de Annie, contou ao tribunal que a idosa não confiava em Patel. Ela também estava ciente do desaparecimento de dinheiro em sua casa e chegou a pensar que o valor foi levado por Patel.

Confira também:

  1. Adolescente é morto durante briga por celular
  2. Chef admite ter assassinado amigo com mais de 100 facadas
  3. Jovem é acusado de esfaquear um vendedor de flores que foi namorado de sua falecida mãe
  4. Mulher joga recém-nascido pela janela de maternidade; pais da criança dizem tê-la perdoado pela morte do filho

Patel se confessou como viciado em jogos de azar, gastando mais de 100.000 libras entre os anos de 2016 e 2020. Ele descontou 1500 libras em cheques no nome de Annie na semana anterior à morte dela e tentou descontar mais 1250 dois dias antes do assassinato. Os funcionários do banco estranharam e bloquearam a ação.

O homem tinha um histórico de comportamentos fraudulentos. Como parte da investigação, seus dispositivos eletrônicos foram apreendidos e mensagens de Watshapp mostraram as intenções dele.

Em algumas conversas ele se gabava de ter recebido dinheiro da senhora e do valor dos bens que ela possuía, em outras seu problema financeiro ficava evidente.

Os promotores acreditam que ele tenha assassinado a aposentada após ela descobrir seu comportamento e os roubos realizados.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos