Foco

PM reformado tenta defender mulher ameaçada, é atacado com facão e perde uma das mãos

Caso aconteceu em Brasília; suspeito fugiu

PM reformado tem mão esquerda decepada

Um PM (policial militar) reformado tentou defender uma mulher que estava sendo ameaçada de morte pelo namorado, acabou atacado com um facão e perdeu uma das mãos. O caso aconteceu na madrugada de sábado (2), em Brasília, no DF (Distrito Federal).

Ao jornal “Correio Braziliense”, Lívia Oliveira, de 32 anos e esposa do PM Leandro Percivalli Nascimento, de 37, disse que acordou por volta da 1h30 com gritos de socorro. Ao olhar pela janela, viu uma mulher correndo. Ela, então, acordou o companheiro, que levantou e foi ver o que estava acontecendo.

“Ele estava falando que ia pegar uma arma e encher ela de tiro. Eu sou policial militar, tenho esse instinto de agir. Ela estava gritando, a primeira coisa que pensei foi em ajudar. Vi que ele não estava armado [com revólver], mas não vi o facão. E aí fui no impulso. Peguei a chave, olhei para o cara e fui neutralizar o risco”, contou Leandro à reportagem.

Quando o PM partiu para cima do agressor, este puxou um facão e desferiu o golpe contra ele. “Ele veio para acertar minha cabeça e eu defendi com a mão. Se não fosse a mão, poderia ter sido muito pior. Por uma fração de segundos, eu poderia nem estar mais aqui.”

LEIA TAMBÉM: ‘Se ficássemos ali, também iríamos morrer’, diz comandante de tropa de brasileiros mortos na Ucrânia

Leandro foi levado ao Instituto Hospital de Base de Brasília, onde teve a mão esquerda amputada.

Todo o crime foi registrado por câmeras de segurança. Nas imagens, é possível ver o suspeito indo para cima de Leandro com um facão e, com apenas um golpe, decepando a mão da vítima. Momentos depois, o suspeito ainda tenta atropelá-lo.

O caso é investigado pela 2ª Delegacia de Polícia de Asa Norte. O homem que desferiu o golpe já foi identificado e tem 24 anos. Ele fugiu após a tentativa de homicídio.

VOCÊ TAMBÉM PODE QUERER SABER:

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos