Foco

Polícia prende 3º suspeito de participar de morte de ganhador da Mega-Sena

Roberto Jefferson da Silva negou estar envolvido no sequestro e assassinato de Jonas Lucas Alves Dias

Ganhador da Mega-Sena foi torturado e espancado
Ganhador da Mega-Sena foi torturado e espancado (Facebook)

ANÚNCIO

A Polícia Civil prendeu na última sexta-feira (23) o terceiro suspeito de participar da morte de Jonas Lucas Alves Dias, de 55 anos, ganhador do prêmio de R$ 47 milhões da Mega-Sena em 2020.

ANÚNCIO

Segundo a delegada Juliana Ricci, titular da Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais) de Piracicaba, Roberto Jefferson da Silva, conhecido como Gordão, se apresentou na sede da unidade acompanhado de advogados. Ele negou ter participado do sequestro e da morte de Jonas e disse que não o conhecia vítima.

Uma coletiva de imprensa está marcada para a próxima segunda-feira (26) para detalhar as novidades do caso.

Duas pessoas já haviam sido presas. Uma delas é Rebeca Messias Pereira Batista. Ela foi identificada como a dona da conta para onde foram transferidos os mais de R$ 18 mil de Jonas. O outro é Rogério de Almeida Spínola. A investigação aponta que ele estava em um dos dois veículos que abordaram a vítima.

Marcos Vinicyus Sales de Oliveira, o quarto investigado, segue foragido. Qualquer informação sobre ele pode ser fornecida anonimamente pelo telefone (19) 3421-6169.

O crime

Jonas foi encontrado na quarta-feira (17) em uma alça de acesso da Rodovia dos Bandeirantes, na altura de Hortolândia, no interior de São Paulo, com sinais de tortura e morreu logo após dar entrada no hospital de traumatismo cranioencefálico.

Durante o tempo que a vítima esteve com os criminosos, eles realizaram transferência e PIX de sua conta e tentaram fazer um saque com valor mais alto, de R$ 3 milhões, mas não conseguiram porque a gerente do banco não autorizou.

ANÚNCIO

Um amigo da família disse que quase todo o dinheiro dele estava investido por prazo pré-fixado de três anos, e por isso os bandidos não conseguiram sacar essa quantia toda.

Segundo a polícia, todos os moradores do bairro onde Jonas vivia sabiam que ele tinha sido ganhador da Mega-Sena.

LEIA TAMBÉM:

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias