Foco

‘Galã do Tinder’ é preso em São Paulo; 7 mulheres registraram queixa

Houve perseguição policial na Zona Norte

'Galã do Tinder' é preso na Zona Norte de São Paulo

Renan Augusto Gomes, de 35 anos, mais conhecido como “galã do Tinder”, foi preso na última quarta-feira (22) na região de Pirituba, Zona Norte de São Paulo, durante operação conjunta entre a Deic (Delegacia Especializada em Investigações Criminais) de São Bernardo do Campo e o MP (Ministério Público).

Segundo as investigações, ele é suspeito de aplicar golpes em São Paulo e em São Bernardo do Campo após conhecer as vítimas em aplicativos de relacionamento. Sete mulheres já haviam registrado queixa formal contra o rapaz até quinta-feira (22).

A prisão preventiva do suspeito havia sido decretada há três meses. A defesa do suspeito ingressou com um pedido de habeas corpus na 2ª instância, que acabou negado. Ele passou, então, a ser considerado foragido.

Recomendados

Renan foi encontrado na Avenida Raimundo Pereira Magalhães em um carro. Ao tentar fugir, acabou batendo em três veículos. Foi detido e encaminhado à delegacia.

Os golpes

Segundo a polícia, Renan teria diversos perfis em apps de paquera, onde se identificava como Augusto Keller. Ele se descrevia como recém-solteiro, sem filhos e em busca de um relacionamento estável.

Para as mulheres, ele dizia que era filho de alemães e que seus pais tinham morrido em um acidente de carro em Araçatuba, no interior paulista. Em outros momentos, dizia não ter vínculo com a família.

Ele assumia o namoro e, com o tempo, passava a pedir dinheiro emprestado, alegando problemas com a Receita Federal ou com bancos. Depois, desaparecia.

NÃO VÁ EMBORA AINDA! LEIA TAMBÉM:

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos