Foco

Menor é apreendida por matar a tia com facadas e paneladas na cabeça, no Acre

Ela ainda tentou assassinar o primo, de 10 anos, mas não conseguiu

Uma adolescente de 14 anos foi apreendida após confessar ter matado a tia a facadas, em Feijó, no interior do Acre. De acordo com a Polícia Civil, a garota disse que primeiro tentou matar o primo, de 10 anos, mas como não conseguiu atacou a vítima.

O caso aconteceu na noite de segunda-feira (24) no bairro Esperança. Em entrevista ao G1, o delegado responsável pelo caso, Railson Ferreira, contou que a menor estava sob os cuidados da tia, Maria Antonieta de Souza Abreu, de 38 anos, pois a mãe dela estava viajando.

LEIA TAMBÉM:

Segundo o investigador, não havia um motivo aparente para que a adolescente quisesse matar o primo e a tia, mas foi encontrado um diário no qual ela indicava que tinha pretensão de cometer um assassinato.

“Havia uma relação harmônica entre as partes e o que chama atenção é o planejamento da adolescente. O crime não foi impulsivo, um ataque, foi algo planejado. Tem um diário que ela escrevia e deixava claro que iria fazer isso. Era uma relação tranquila, mais do que tia e sobrinha, isso sempre foi muito nítido”, disse o delegado.

Segundo a investigação, na data do crime, a adolescente primeiro atacou o primo de 10 anos. Como não conseguiu matá-lo, o trancou em um quarto. A tia reagiu e foi agredida com uma panela, levando vários golpes na cabeça. Em seguida, a menor esfaqueou a mulher várias vezes.

A polícia foi acionada e, ao ouvir a menor, ela confessou o crime. ”Foram muitas facadas e ela bateu demais com a panela na cabeça da tia. A faca ficou cravada na vítima. Nunca tinha visto tanto sangue na minha vida. Ela disse que foi porque a tia pegava no pé dela, não deixava ela sair, não deixava namorar. Mas eu não acredito nisso”, completou Ferreira.

Ainda conforme o investigador, Maria Antonieta estava com dengue e, por isso, debilitada. Ele acredita que isso facilitou a ação da adolescente.

Agora, a polícia investiga se a menor teve ajuda para cometer o homicídio.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos