Metalúrgicos de Taubaté rejeitam proposta de indenização da Ford

Por Metro World News

Trabalhadores da fábrica da Ford em Taubaté, em São Paulo, rejeitaram nesta quarta-feira (dia 3) proposta da montadora de indenização por conta da decisão de encerrar a produção no país.

De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté e Região, a indenização oferecida pela companhia era de 1,1 salário por ano trabalhado para os funcionários horistas. Já para os mensalistas, o valor seria de 0,7 salário por ano trabalhado.

Leia também: 

Para a entidade, os valores estão abaixo do que os funcionários receberiam até o fim deste ano, entre salários e benefícios.

Em nota, a Ford informou que está em processo de negociação com o sindicato e que não tem nada a anunciar no momento.

Loading...
Revisa el siguiente artículo