Anna Carolina Jatobá faz videochamada com família e perde direito ao semiaberto

Recurso foi autorizado durante a pandemia, mas apenas para contato com advogados

Por Metro World News

Anna Carolina Jatobá, condenada em 2010 pela morte de Isabella Nardoni, dois anos antes, perdeu o direito ao regime semiaberto após ser flagrada se comunicando com a família por chamada de vídeo na penitenciária de Tremembé, interior de São Paulo.

De acordo com a SAP (Secretaria da Administração Penitenciária), a infração é considerada grave. O uso monitorado da videochamada foi autorizado durante a pandemia de covid-19, mas apenas para contato com advogados.

Veja também:
7 em cada 10 mortos por covid-19 em SP moravam na periferia
Wassef deixa defesa da família Bolsonaro após Queiroz ser preso em sua casa

A detenta acabou sendo pega enquanto falava com a sua família. Com o flagrante, além de perder o direito ao regime semiaberto, Anna Carolina foi proibida de trabalhar no ateliê da penitenciária como costureira.

A madrasta de Isabella Nardoni cumpre pena de 26 anos e oito meses de prisão. Seu marido, Alexandre Nardoni, foi condenado a 31 anos, um mês e dez dias pela morte da filha, que foi arremessada do 6º andar de um prédio na zona norte. O crime ocorreu em março de 2008 e teve grande repercussão nacional.

Dedicado ao agronegócio, canal AgroMais estreia nesta segunda

Com programação 100% voltada ao mundo da agroinformação, canal surge como referência no segmento. Jornalismo especializado e comentaristas do setor fazem parte do conteúdo apresentado

Loading...
Revisa el siguiente artículo