Foco

Funcionários do Ibirapuera apontam falhas na reformas dos banheiros

Funcionários de limpeza e de segurança do Parque Ibirapuera, na zona sul de São Paulo, apontaram falhas na reforma dos banheiros do local. Oito unidades foram entregues no dia 25 de março e mais oito estão em obras – o serviço foi feito por uma construtora, sem nenhum custo para a Prefeitura.

No início da semana, surgiu a informação de que os banheiros tinham sido depredados, mas uma funcionária relata que saboneteiras e cubas de pias caíram por problemas na instalação.

Leia mais:
Banheiro do Ibirapuera recém reformado é depredado
Prefeitura de SP apreende 184 litros de bebida em ‘rolezinho’ no Ibirapuera

Confira reportagem do repórter Leandro Gouveia

Um empregado da limpeza responsável por outro banheiro, por sua vez, conta que apenas uma saboneteira danificada foi retirada.

Na terça-feira (5), o prefeito João Doria (PSDB) chegou a culpar os participantes do rolezinho do último domingo pela suposta depredação, e disse que instalaria câmeras para vigiar as entradas dos banheiros.

Uma funcionária da segurança do parque, que não quis gravar entrevista, disse à Rádio Bandeirantes que o serviço é reforçado aos domingos para evitar o vandalismo.

Procurada, a Prefeitura disse que houve a tentativa de se retirar a tampa de válvula de descarga e um assento de vaso sanitário. A administração não comentou as possíveis falhas na execução da obra.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos