Entretenimento

João Carlos Martins mergulha na própria história de superação em livro biográfico

O Brasil é repleto de personagens com histórias que merecem um livro. E o maestro João Carlos Martins é um deles. Com sua vida alternada por alegrias e momentos de profundos e difíceis desafios, o músico encontrou na biografia “João de A a Z” mais um jeito de expor sua trajetória de superação e inspiração.

Leia mais:
‘Achei que ia ter de sair do palco’, diz Sandy após cantar doente em São Paulo
D.C. Douglas, voz de ‘Resident Evil’, diz que carreira de dublador paga ‘bem melhor’

A publicação é um verdadeiro mergulho em sua vida, desde o menino prodígio, que aos sete anos já dominava o piano e aos 20 tocava no Carnegie Hall, nos Estados Unidos, passando pelas tristes histórias que lhe causaram limitações motoras, mas jamais tiraram sua paixão pela música.

Para contar tudo isso, João escolheu capítulos em ordem alfabética, que começa por Amor, Bach, Concerto, até chegar ao Zênite, vasculhando as mais diversas lembranças que, com essa obra, deixa sua história registrada ainda mais completa ao lado de outros três livros, um filme e uma peça de teatro.

Concerto

O maestro estará no palco do Theatro Municipal (pça. Ramos de Azevedo, s/nº, Centro; R$ 75) na terça-feira (15), às 19h, no quarto concerto da temporada da Bachiana Filarmônica Sesi-SP, regendo o Concerto para Piano e Orquestra nº 27 em Si Bemol Maior, de Mozart.

A noite terá um convidado especial, o jovem ator e pianista Davi Campolongo, que representou João Carlos na infância no filme “João, o Maestro”.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos