Social

De aquecer o coração: Cachorro cego se alegra ao poder ver rosto do pai novamente

Cãozinho passou por uma cirurgia nos olhos, resultando em uma mudança de cenário.

rep

Recentemente, um cachorrinho chamado Bob passou por uma fase bem complicada. Diagnosticado com catarata nos olhinhos, a dificuldade em enxergar aumentou até que ele ficasse completamente cego. Relato extraído do portal The Dodo.

“Ele ficou mais quieto, com medo de esbarrar nos móveis”, disse Mércia Amaro, veterinária de Bob, ao The Dodo. “Ele não podia mais correr para cumprimentar seu dono quando chegava em casa e sempre gostou de recebê-lo.”

Depois que a catarata tomou completamente sua visão, Bob já não conseguia mais ver o rosto de seu pai. Contudo, houve uma virada de chave que mudou o cenário do animal.

Mércia Amaro, a oftalmologista veterinária especializada em olho de cães, já sabia que a visão do cãozinho poderia ser recuperada por meio de uma cirurgia nos olhos. Depois de marcar uma consulta com o pai de Bob, o procedimento foi agendado nas últimas semanas.

Não deu outra: A visão de Bob apresentou sinais de melhora.

“Logo após a operação, ele já dava sinais animadores”, disse Mércia. “Ele continuou olhando para nós, como se dissesse: ‘Eu posso ver!’”

Veja mais:

Visão restaurada e vislumbre da saudade

Assim que Bob perdeu sua visão, a figura de seu pai estava presente apenas em sua memória. Contudo, o cãozinho não precisava se esforçar para mantê-la viva.

rep

Assim que melhorou após a cirurgia, se reencontrou com o pai no dia seguinte. E foi um show de emoção.

O cãozinho já não via o rosto do pai em meses, mas teve a oportunidade de se deparar com seu rosto assim que sua visão foi restaurada. Seu desânimo de antes pareceu ter se dissipado.

“Ele se transformou totalmente”, disse Mércia. “Foi muita alegria. Foi muito emocionante.”

Agora, o pet segue se recuperando no conforto de seu lar e nos braços de quem o ama. Certamente, Bob está aproveitando a cada seguindo de sua visão para contemplar tudo a sua volta. Contudo, mesmo em seu período enquanto cego, ele já conseguia ver o invisível: o amor.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos