Foco

E a conta só aumenta! Aluna que desviou dinheiro de formandos da USP vai responder por tentar fraudar pagamento em lotérica de SP

Alícia Dudy Muller já responde por 8 crimes de estelionato

Ela vai responder em liberdade

Além de responder pelo desvio de quase R$ 1 milhão da comissão de formatura de estudantes da USP, a estudante de medicina Alicia Dudy Muller terá que responder também por tentativa de estelionato contra uma casa lotérica de São Paulo.

De acordo com a denúncia apresentada pelo Ministério Público de São Paulo, a estudante tentou fraudar o pagamento de apostas em 2022 apresentando uma transferência de de PIX de R$ 891,50 para comprovar o pagamento de uma aposta de R$ 891,5 mil.

Alícia já havia sido indiciada pelo desvio do dinheiro da formatura em março deste ano. Como presidente da comissão de formatura, ela sacou o dinheiro que era arrecadado e investido por uma empresa contratada alegando agir em nome da comissão, desrespeitando o estatuto que previa que qualquer movimentação deveria ter o aval do tesoureiro do grupo.

Ela usou parte do dinheiro que seria usado na formatura dos alunos e sua turma de medicina para comprar um Ipad Pro, de R$ 6 mil, alugar um apartamento por R$ 3,7 mil durante cinco meses e alugar um carro por R$ 2 mil mensais.

LEIA TAMBÉM: Herança milionária gera briga judicial entre pais e viúvo da ex-jogadora Walewska; saiba os valores

Ela também gastou dinheiro fazendo uma série de apostas na loteria, gastando cerca de R$ 9 mil por dia, na expectativa de recuperar o dinheiro gasto, e chegou a faturar R$ 326 em premiações da Lotofácil, entre abril e julho de 2022.

Em sua defesa, ela alegou que os recursos não estavam sendo “bem administrados” pela empresa contratada e resolveu assumir as aplicações, mas perdeu os valores com “investimentos ruins”.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos