Foco

VÍDEOS: Operários ficam pendurados a 140 metros de altura após queda de andaime em SP; um morreu

Bombeiros dizem que oito trabalhadores ficaram presos a cordas, mas um deles não conseguiu se segurar

Um deles morreu
Operários ficaram pendurados em topo de prédio em construção após queda de andaime, na Zona Sul de SP (Reprodução/Twitter)

ANÚNCIO

A queda de um andaime deixou oito operários pendurados a 140 metros de altura em um prédio em construção, na Chácara Santo Antônio, na Zona Sul de São Paulo. Vídeos que circulam nas redes sociais mostram os trabalhadores segurando em cordas enquanto aguardavam pelo resgate (assista abaixo). Segundo o Corpo de Bombeiros, um deles morreu.

ANÚNCIO

O caso aconteceu na tarde de terça-feira (17). A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) confirmou que os trabalhadores estavam no andaime, bem no topo do prédio, quando a estrutura metálica desabou. Assim, eles se seguraram em cordas.

A construção conta com duas torres de 33 andares, que devem ser entregues em 2025. O andaime em que os operários estavam faziam a ligação entre elas.

Os bombeiros socorreram os trabalhadores e um deles, que reclamava de dores, foi levado a um hospital. Não há detalhes sobre o estado de saúde dele. Já os demais estavam ilesos. A identidade do operário que morreu não foi revelada.

Ao site G1, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (Crea-SP) afirmou que está apurando o caso e busca identificar os responsáveis técnicos pelo empreendimento.

“Para a realização de quaisquer atividades e serviço, os profissionais e empresas contratados devem estar registradas no Crea-SP. Também é necessário que, para todos os serviços contratados, seja feito o registro de uma Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), definindo a participação técnica no empreendimento”, explica o órgão.

Já a construtora EZTEC, responsável pela obra, lamentou o acidente e informou que, “apesar de existirem os equipamentos de segurança e proteção, por uma fatalidade, um dos trabalhadores veio a óbito. O caso está sob apuração e, neste momento, o que se sabe é que houve um acidente na plataforma de trabalho e segurança. A empresa seguirá todas as recomendações das autoridades competentes”.

LEIA TAMBÉM:

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias