Brasil

Motorista que atropelou Kayky Brito se emociona ao falar sobre o assunto em programa ao vivo: ‘O trauma eu ainda carrego’

Diones Coelho da Silva contou no Encontro com Patrícia Poeta, que não consegue mais dirigir e teme novo acidente

Divulgação/ Globo

Trabalhando como motorista de aplicativo, Diones levava uma mulher e uma criança no banco de trás do veículo quando se surpreendeu com uma colisão. Na madrugada do dia 02 de setembro, Diones Coelho da Silva dirigia seu carro pela Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, quando bateu em uma pessoa que atravessava a rua, o ator Kayky Brito. Ele prestou socorro a Kayky, que foi levado ao hospital com politraumatismo e segue internado.

Na última quarta-feira (27), a polícia pediu o arquivamento do caso ao Ministério Público após confirmar que Diones estava dentro do limite de velocidade permitido na via. O fato de Diones estar dirigindo com atenção, ter prestado socorro e não ter ingerido álcool ou entorpecentes também foi fundamental para a decisão.

Conforme divulgado pelo GShow, nesta quinta-feira (28), Diones foi ao Encontro com Patrícia Poeta e, emocionado, falou sobre o arquivamento.

Recomendados

Diones disse que mesmo com o arquivamento do caso, ele ainda sofre com os efeitos de ter atropelado o ator. “Tirou o peso, mas o trauma eu ainda carrego. É um vídeo que eu nem gosto de ficar vendo. Porque relembra o momento, fica aquele looping, dia e noite, às vezes não consigo dormir. Tenho tido crises de ansiedade. Para mim é tudo muito novo e assustador”, contou.

LEIA TAMBÉM: “Chocolate com Pimenta”: Tudo sobre Bernadete, personagem de Kayky Brito

Divulgação/ Globo

O motorista recebeu dinheiro de uma vaquinha online feita por pessoas que se solidarizam com a situação. Diones estava sem conseguir trabalhar devido aos danos no carro. “Meu carro tá na oficina ainda. Tá dependendo de peças e não vai ficar pronto agora. Ainda tem umas longas parcelas com juros para pagar. Uma parte da vaquinha eu vou doar para uma instituição. E vou comprar outro carro para trabalhar, esse aí eu não tenho mais condições de entrar para trabalhar”, contou.

Reencontro e recomeço

O motorista também disse que espera reencontrar Kayky e dar um abraço no ator. Diones também contou que está à procura de um emprego, já que o trabalho como motorista não é mais uma possibilidade para ele. “Se surgir alguma outra oportunidade que não seja trabalhar como motorista de aplicativo, eu vou agarrar essa oportunidade. Porque eu ainda tô com esse trauma”, contou.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos