Foco

Museu de Arte de Rua traz mais de 100 obras para espaços de São Paulo

Projeto conta com mural, graffiti, fotografia, colagem, stencil, lambe-lambe, dentre outros tipos de obras

Quem passa pela cidade de São Paulo pode conferir a quinta edição do MAR (Museu de Arte de Rua). Em 2021, o novo projeto traz cerca de 100 obras para vias da Capital em diversos formatos, como mural, graffiti, fotografia, colagem, stencil, lambe-lambe, dentre outros tipos de obras visuais.

Entre as primeiras obras já entregues está a de André Mogle, na Rua da Consolação. O painel, intitulado “O Verdadeiro Campeão é o Povo”, homenageia as mães durante a pandemia, ressaltando sua força e determinação.

Outro destaque da exposição é o artista Robinho Santana, que teve sua obra «Deus é Mãe» indiciada por crime ambiental em Belo Horizonte (MG) no início do ano. Seu trabalho dialoga com dever de exprimir a sua relação com a vida e a cultura de seu povo. Em parceria com o Festival São Paulo Sem Censura, o artista elabora uma obra inédita no Minhocão.

O prédio do Conselho Tutelar José Bonifácio e o CEU Parque São Carlos, na Vila Jacuí, recebem a obra da artista Bien Rosa, representante do Coletivo Abayomi Ateliê. A intervenção “Folclore Nosso de Cada Dia” faz uma releitura dos personagens folclóricos brasileiros.

Das grafiteiras Kari e Mota, o projeto “Eu Me Vejo” estampa as paredes do CEU Jambeiro, em Guaianases, com imagens que retratam toda a diversidade de corpos na cidade.

Já “Esperançar: Amar é um Ato de Coragem” é um grande mural fotográfico no centro de São Paulo, na Alameda Ribeiro da Silva, feito pelo artista Raul Zito em homenagem ao educador Paulo Freire. A ideia é trazer uma mensagem de esperança.

Saiba em quais canais encontrar a programação completa do MAR 2021:

Instagram: @smculturasp
Facebook: /SaoPauloCultura
Twitter: @smcsp
Youtube:/smcsaopaulo

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos