Foco

Grupo protesta contra corte de gastos com saúde e assistência social em SP

Trabalhadores da Asssitência Social caminham em direção à prefeitura de São Paulo Fotoarena/Folhapress

ANÚNCIO

O viaduto do Chá, em frente à sede da Prefeitura de São Paulo, foi totalmente bloqueado por manifestantes no início da tarde desta quinta-feira (23).

ANÚNCIO

O grupo protesta contra o decreto 58.636/19, assinado pelo prefeito Bruno Covas em 21 de fevereiro, que prevê o corte de gastos com saúde, ações de assistência social e coleta de lixo na capital paulista.

O texto determina a renegociação dos «contratos de gestão, convênios, termos de colaboração, termos de fomento e instrumentos congêneres referentes aos serviços de ações de saúde e assistência social deverão ter seus Planos de Trabalho e Cronogramas de Desembolso».

Veja a íntegra do decreto aqui

Pela manhã, eles bloquearam totalmente a pista esquerda da Rua Maria Paula, sentido único, na altura da Câmara Municipal. Depois, seguiram pela rua Santo Amaro, Rua do Ouvidor, Líbero Badaró e, por fim, o Viaduto do Chá.

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias