Foco

Estudante luta com ladrão e evita roubo em São Paulo

Uma universitária arriscou a vida e lutou com um assaltante para evitar o roubo de um celular em São Paulo. A câmera de segurança de um prédio registrou o crime. A estudante, de 22 anos, falava ao celular, na calçada, quando o bandido se aproximou e tentou arrancar o telefone da mão dela.

Leia também:

• Protesto na comunidade do Pavão-Pavãozinho termina em violência
• Força Aérea Brasileira localiza bimotor desaparecido no Pará

A vítima resistiu e os dois ficaram em uma disputa de força até que ela caiu no chão. Mesmo assim, não entregou o aparelho.

Um desconhecido resolveu ajudar e deu uma voadora no suspeito, que arrastou a vítima e insistiu no roubo, apesar dos socos e pontapés que levava. O porteiro saiu do prédio e também partiu para cima do ladrão – com um pedaço de madeira – mas tropeçou.

O bandido conseguiu fugir, mas sem levar o que queria. Por sorte, a vítima sofreu apenas alguns arranhões.

Deppman

Foi num assalto exatamente como este que o universitário Victor Hugo Deppma, de 19 anos, acabou morto ano passado, na zona leste.  Ele resistiu em entregar o celular a um criminoso e levou um tiro na cabeça. O assassino cumpriu medida socioeducativa na Fundação Casa.

Os aparelhos viraram o principal alvo dos bandidos. Vinte e cinco por cento dos brasileiros já tiveram o telefone furtado. Só na capital paulista, um celular é roubado a cada três minutos.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos