Recife se torna primeiro hub da companhia Azul a recuperar 100% da capacidade operacional  

Por Metro World News

Recife será o primeiro hub (centro de conexões de voos) da companhia Azul a recuperar 100% da capacidade operada no período pré-pandemia.

De acordo com a empresa, por meio de comunicado, em janeiro de 2021, a companhia chegará a 75 decolagens em dia pico para 31 destinos no país. Com mais operações para mais cidades, o Recife se consolida como o aeroporto que concentra a maior operação de uma companhia aérea em todo o Nordeste.

“Antecipando o planejamento da alta temporada de verão, que tem início em dezembro, a Azul fortalecerá sua presença no estado voando para mercados incomuns na história do terminal pernambucano”, detalhou.

Recife-Uberlândia, Recife-Ribeirão Preto, Recife-São José do Rio Preto e Recife-Goiânia serão iniciados em dezembro, contribuindo para a retomada do turismo em Pernambuco. No mesmo mês, a Azul inicia regularmente a operação do maior voo doméstico do país, que será cumprido na rota Recife-Porto Alegre, e terá duração de 4h20, a bordo de um Airbus A320neo, com capacidade para até 174 Clientes.

Ainda de acordo com o comunicado, as frequências diretas e regulares entre Recife-Palmas, Recife-Vitória e Recife-Cuiabá começam em janeiro de 2021 e vão reforçar o hub pernambucano como ponto focal de conexões e mais opções de voos e destinos.

“Com nove cidades a mais conectadas ao Recife a partir de dezembro, a capital de Pernambuco terá a maior alta temporada de verão de sua história”, completou.

Com informações da Azul

LEIA TAMBÉM:

https://www.metroworldnews.com.br/estilo-vida/2020/09/16/companhia-azul-tera-505-voos-diarios-e-atendera-89-destinos-no-mes-de-outubro.html

Loading...
Revisa el siguiente artículo