Seu jeito de jogar The Sims pode indicar se você tem traços de psicopatia

Por Brenno Quadros

Seu jeito de jogar The Sims pode indicar se você tem traços de psicopatia. Um estudo feito em 2015 mostrou que pessoas com traços mais altos de psicopatia tendiam a usar comportamentos mais maldosos e menos amigáveis ​​ao jogar The Sims 3.

Em um novo estudo publicado em uma revista científica, pesquisadores de uma universidade canadense usaram o mesmo jogo para estudar a hipótese de psicopatia Cheater-Hawk, que sugere que o traço de personalidade pode ter evoluído como uma forma de obter recursos por meio dos padrões comportamentais ‘trapaceiro’ (explorando a cooperação de outros) e ‘falcão’ (definido como usar a agressão para seus próprios fins ). Eles classificam os traços psicopáticos como manipulação, decepção e falta de empatia ou remorso, bem como irresponsabilidade e comportamentos anti-sociais e agressivos.

Segundo o IFLS, para o estudo, foi criada uma família de Sims em que todos os membros pareciam iguais – cabelo da barra e cor da camisa – mas com traços de personalidade diferentes, que podiam ser manipulados durante a seleção de personagens.

VEJA MAIS:

"Os quatro personagens foram criados com traços de personalidade que refletem o trapaceiro (enganador, sorrateiro, charmoso), falcão (agressivo, rude, mesquinho), pombo (submisso, nervoso, tímido) e cooperador (simpático, confiante, cooperativo). " – Escreveu a equipe no estudo. Os participantes foram solicitados a criar um personagem que os refletissem, que foi então colocado na casa com os outros personagens controlados por inteligência artificial. Os 205 participantes foram então solicitados a fazer seu personagem interagir com os outros ao seu redor. Todas as interações foram registradas e quantificadas.

As pessoas que exibiam mais traços de psicopatia eram mais propensas a mostrar comportamentos agressivos, bem como ter menos interações "amigáveis, engraçadas e charmosas", principalmente entre os participantes do sexo masculino. Dividindo os resultados ainda mais, eles descobriram que os psicopatas eram mais propensos a se envolver em comportamentos agressivos e mesquinhos em relação aos personagens que apresentavam menos sinais de comportamentos agressivos.

"Nossas descobertas podem sugerir que indivíduos psicopatas veem a ausência de comportamentos agressivos como um indicador de fraqueza e estão preparados para explorar ou agredir indivíduos que mostram esse tipo de fraqueza."

Loading...
Revisa el siguiente artículo