Social

“Você fez algo”: jovem argentino denuncia no TikTok as agressões de sua namorada e mulheres riem dele

Lucas Pintos postou vários vídeos onde conta que seu “quase algo” o agrediu por ciúmes e os comentários são tão violentos como se fosse mulher

Chico terminó con ojo morado por su pareja y mujeres se burlan en redes sociales

Lucas Pintos é um jovem argentino que postou vários vídeos com um olho roxo, agredido por sua parceira. Causando curiosidade entre os seguidores do TikTok por ter permanecido tanto tempo com o olho roxo, o jovem disse que sua “quase algo” foi quem causou o ferimento. No entanto, diante das denúncias, algumas pessoas romantizaram o fato de a mulher ser a violenta na relação.

Lucas contou em sua storytime que a garota com quem estava saindo o agrediu em um ataque de ciúmes. Ele a chama de “quase algo” e afirma que ela o agrediu com um rolo de massa.

"Eu tinha me encontrado com alguns amigos. Éramos um grupo de 15 pessoas e uma garota me perguntou se íamos preparar drinques e conversar um pouco. No final, nada aconteceu, cada um voltou para casa depois da festa. No dia seguinte, a garota que me fez essa pergunta me convida para tomar chimarrão", começa.

Recomendados

"Ela me enfrentou e ficou muito alterada. Assim que cheguei, fiquei assustado. Ela me disse que sua prima estava lá, que me viu com outra mulher e eu disse a ela que fomos preparar bebidas e não aconteceu nada. Ela ficou muito alterada e começou a gritar comigo, é muito violenta. Ela se irrita facilmente. Estávamos discutindo. Eu não sou de discutir", continuou.

Lucas disse que poderiam deixar assim, e a garota ficou alterada. Ela ficou mais agressiva. "Acho que ela queria me bater. Levantei e tentei segurá-la. Ela começou a gritar. E o rolo de massa estava na mesa. Ela pegou e nem vi. Ela não me bateu diretamente no olho, mas na maçã do rosto e me fraturou em duas partes", explicou.

"E respondendo à pergunta se eu vou denunciá-la, não, porque eu sei muito bem que ela não tem dinheiro para pagar nada e se eu denunciar, eles vão rir na minha cara", afirma.

As provocações aumentando

Embora muitos usuários peçam para o argentino denunciar, várias mulheres romantizam a agressora e até pedem para ser ela. Também afirmam que "ele mesmo procurou por isso" e que gostariam de fazer o mesmo.

Lucas estava falando sobre o amor tóxico e ninguém estava prestando atenção. E mesmo quando ele contou sua história, as zombarias não pararam.

Em uma região onde muitos homens não se atrevem a denunciar precisamente por causa das zombarias que Lucas e outros como ele recebem, fica claro que há muito a ser mudado. Nenhum homem merece ser vítima de violência.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos