Social

Solteiros descobrem: é melhor conhecer pessoas na vida real do que em apps

Mais recente tendência de solteiros em Nova York: speed dating

Tumisu / Pixabay

ANÚNCIO

Profissionais jovens cansados de deslizar e serem ignorados nos aplicativos estão buscando encontros presenciais para uma experiência mais orgânica. "Desde a revolução dos aplicativos de namoro, a ênfase tem sido nos apps. Mas agora o mercado está se equilibrando", disse o organizador Kevin Wang, 28 anos, ao 'The Post'. "Há uma demanda para isso. As pessoas estão cansadas de deslizar."

ANÚNCIO

O pub Malt House, frequentado por estudantes da New York University e jovens profissionais na Thompson Street, estava agitado com risos, esperanças elevadas e um pouco de energia nervosa.

Margaux Jacobs, professora de 28 anos do Upper East Side, decidiu ser "mais intencional este ano" sobre sua vida romântica, descrevendo-a como "muitos aplicativos, muitos fracassos". Após tentativas infrutíferas de conhecer rapazes pessoalmente, ela descobriu o Amiccio speed dating no Reddit.

Joshua Cordero, um profissional de marketing de 30 anos de Brooklyn, participou pela terceira vez. Mesmo sem um segundo encontro, ele prefere isso ao namoro online. Clientes frequentes são comuns, com aproximadamente metade dos homens e um terço das mulheres participando de mais de um evento, estima Kevin.

Encontro-romantico-Andrea-Piacquadio-Pexels

Andrea Piacquadio / Pexels

A busca por conexões autênticas

O evento consistiu em dez rodadas de encontros de cinco minutos, seguidas pela indicação de interesse por meio de um cartão. Os organizadores notificam os participantes sobre possíveis combinações. Wang, que trabalha em tecnologia e marketing, iniciou a Amiccio Events como uma atividade paralela, percebendo o desejo dos nova-iorquinos por encontros presenciais pós-pandemia.

"Investir em eventos presenciais economiza tempo e ajuda a eliminar as complicações dos aplicativos de namoro", diz ele. O grupo organiza speed dating, bares para solteiros, eventos de networking profissional e aulas de dança social. Até agora, realizaram mais de 100 eventos de speed dating, com a demanda crescendo.

ANÚNCIO

"Isso ajuda as pessoas a economizarem tempo", acrescenta Wang. "Você tem uma vibe imediata sobre se vai se dar bem com alguém quando está cara a cara, ao contrário do namoro online, onde você pode pensar que tem ótima química, mas quando se encontram, percebem instantaneamente que não há nada."

Alguns participantes optaram pelo speed dating por acharem difícil conhecer pessoas organicamente, especialmente em Nova York. Deirdre Fay, profissional de saúde e segurança, mudou-se para o East Village de Boston em novembro e decidiu experimentar o speed dating depois de achar Nova York rápida demais e anônima para conhecer pessoas.

Encontro-romantico-Elina-Sazonova-Pexels

Elina Sazonova / Pexels

Conexões e desafios

Ao contrário de todos terem altas expectativas, nem todos eram tão otimistas. No dia seguinte, Kevin notificou os participantes por e-mail sobre interesses mútuos. Dezoito casais do grupo de 36 solteiros deram match, mas três mulheres e um homem recusaram todos.

Wang espera que a Amiccio inicie uma revolução e torne a conexão pessoal mais moderna do que o uso de aplicativos de namoro. "Está começando a haver uma mudança cultural na forma como as pessoas pensam sobre como podem namorar", diz Wang. "E talvez desempenharemos um papel na mudança dessa percepção."

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias