Social

Pesquisa revela que a canela pode ser uma aliada na saúde

Canela deliciosa: reduzindo o risco de diabetes e pressão alta

Um estudo recente destaca que a canela, além de adicionar sabor a bebidas e refeições de inverno, pode ter benefícios significativos para a saúde vascular. Além de ser uma especiaria saborosa, a canela demonstrou a capacidade de reduzir a pressão arterial e diminuir o risco de doenças cardíacas, demência e acidente vascular cerebral (AVC).

A canela, um ingrediente popular em bebidas de inverno, revela não apenas seu delicioso sabor, mas também propriedades que contribuem para a saúde vascular. O estudo destaca sua capacidade de reduzir a pressão arterial, fornecendo uma abordagem acessível e saborosa para melhorar a saúde cardiovascular.

Rica em antioxidantes e compostos benéficos, a canela demonstrou ser eficaz na redução do risco de hipertensão. A pressão arterial elevada, muitas vezes denominada "assassina silenciosa", pode levar a várias condições de saúde, incluindo doenças cardíacas, acidente vascular cerebral e demência.

Chokniti Khongchum / Pexels

Um remédio na dispensa

Além de seus benefícios para a pressão arterial, a canela é uma opção acessível, encontrada facilmente em supermercados. Estudos indicam que a ingestão diária de pelo menos 1,5 grama, aproximadamente 3/4 de colher de chá de canela, pode diminuir os triglicerídeos, o colesterol total, o LDL (colesterol ruim) e o açúcar no sangue em pessoas com doenças metabólicas.

Embora a canela seja uma adição valiosa a uma dieta saudável, é importante destacar outras mudanças no estilo de vida que contribuem para a saúde vascular.

A redução do consumo de álcool, perda de peso, exercícios regulares e moderação no consumo de cafeína são práticas complementares para prevenir e controlar a pressão alta e o diabetes.

O diagnóstico precoce é crucial para condições como pressão alta e diabetes. Testes regulares, disponíveis em farmácias ou consultórios médicos, ajudam a identificar e abordar esses problemas de saúde.

Ficar atento a sintomas como sede excessiva, micção frequente, fadiga, perda de peso e visão turva também é fundamental para buscar orientação médica quando necessário.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos