Social

Ela acusou a cunhada de tentar apagar as memórias da mãe de seus sobrinhos

Segundo relato, a mãe das crianças faleceu recentemente devido a uma grave doença e o pai e sua nova esposa defendem que os filhos devem esquecê-la.

Uma mulher está passando por momentos difíceis devido a uma decisão recente de seu irmão. Segundo um relato feito por ela no Reddit, o irmão decidiu recentemente que os filhos deverão esquecer sua mãe e ter na madrasta a referência de figura materna.

Conforme conta a mulher, seu irmão foi casado com sua melhor amiga, Elle. O casal teve dois filhos juntos, que conviveram com a mãe até seus 5 e 6 anos respectivamente. “Elle faleceu há 3 anos após perder uma dura batalha contra o câncer”.

Continuando seu relato, a mulher conta que depois de algum tempo o irmão conheceu outra mulher, a qual chama de Dani, e em alguns meses os dois estavam namorando.

Recomendados

“Ele então disse a família de Elle que esperava que Dani tomasse o lugar da mãe de seus filhos e que gostaria que os avós maternos das crianças se afastassem para que isso acontecesse de forma mais tranquila”.

“Quando questionaram como isso poderia acontecer, meu irmão disse que a mãe das crianças está morta e que eles merecem ter uma ‘mãe viva’. Isso não aconteceu só com as crianças, meu irmão também está tentando me fazer apagar completamente as memórias que tenho da minha amiga”, explica a mulher.

Após essa discussão o caso foi levado ao tribunal e o juiz determinou que as crianças continuem convivendo com os avós maternos.

As duas entraram em um grande conflito

Seguindo sua história, a mulher explica que recentemente seu irmão e a nova companheira se casaram e passaram a declarar abertamente que odeiam a família de sua falecida esposa.

“Ela fica visivelmente aborrecida quando as crianças se lembram da mãe e me culpa por eles dizerem que não vão chamá-la de mãe”, conta.

“Para Dani, eu manter contato com a família da minha amiga passa ‘uma mensagem errada’ para as crianças e ela não acha isso justo. Já tentei explicar que Elle e eu éramos amigas desde os 4 anos de idade e que acabei sendo muito próxima de seus familiares, ela então me mandou cortar meu relacionamento com eles pois está cansada de estar ‘em segundo plano’”.

Leia também: Homem acredita ter sido traído após a namorada anunciar que está grávida

As coisas pioraram ainda mais quando o irmão se colocou a favor da postura da atual esposa, deixando a irmã se questionar se realmente está agindo errado.

“Ele não tem o direito de querer que a nova esposa substitua a memória da mãe de seus filhos”, comentou uma pessoa.

“Ao menos o juiz está vendo claramente a situação. O que seu irmão está tentando fazer é horrível! Apoie seus sobrinhos”, comentou outra.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos