Social

Mulher pede que vítima de queimaduras se cubra durante passeio na praia

Ela afirmou ao pai do jovem que as cicatrizes do rapaz eram “visíveis de mais para serem ignoradas” e estavam incomodando as crianças no local.

praia
Representação (Representação / Pixabay)

ANÚNCIO

Uma mulher deixou pai e filho indignados por conta de sua atitude. Enquanto os dois aproveitavam um passeio na praia a mulher se aproximou e pediu ao jovem para colocar sua camisa pois suas cicatrizes de queimaduras eram “visíveis demais para serem ignoradas”.

ANÚNCIO

Conforme a publicação realizada pelo The Mirror, um pai e seu filho passeavam pela praia quando foram abordados pela mulher.

Em uma postagem feita no Reddit, o pai conta que seu filho, de 17 anos, se envolveu em um acidente de carro há vários anos e acabou ficando com queimaduras extensas em seu ombro e tronco.

“Ele precisou passar por cirurgias de enxerto de pela nas áreas mais afetadas e suas cicatrizes ainda são extremamente visíveis, isso é algo que o incomoda. Demorou muito tempo, e muitas sessões de terapia, para ele conseguir se olhar no espelho”.

Apesar dos avanços significativos, o pai conta que a única barreira do filho era justamente ficar sem camisa em público. Juntos eles decidiram enfrentar essa situação e foram para a praia.

Mesmo com alguns olhares direcionados às cicatrizes, o pai conta que o filho se saiu muito bem na situação como um todo, até que a mulher desconhecida se aproximou dos dois.

Ela pediu ao jovem que colocasse uma camisa

Em seu relato o pai conta que uma mulher aleatória se aproximou de seu filho e, “com uma voz doce e fingida”, perguntou se ele se importaria em colocar a camisa novamente. Ela afirmou que as cicatrizes do jovem eram “visíveis demais para serem ignoradas e acabaram assustando algumas crianças”.

ANÚNCIO

Surpreendendo o pai, o jovem disse para a mulher que as crianças não precisam ficar olhando suas cicatrizes e que “podem muito bem olhar para outro lugar”. Diante da resposta, ela ficou irritada e tentou pedir a intervenção do pai do rapaz.

“Eu disse a mesma coisa a ela, se as crianças estão espantadas com isso então é sinal de que é uma boa hora para descobrirem que as pessoas são diferentes e isso não é motivo para ter medo”, afirma o homem.

Leia também: Após revelar adoção ela está sendo bombardeada de perguntas sobre o assunto

Ainda assim, a mulher continuou insistindo em sua solicitação, o que fez com que o pai do adolescente se exaltasse: “Disse a ela que por conta de pessoas como ela é difícil para ele se sentir confortável no próprio corpo, a mandei se calar e sair da nossa frente, afinal o que ela estava fazendo ali se estava tão incomodada?”.

“Isso nunca aconteceu antes. Sei que crianças podem se impressionar de forma fácil, mas a forma como ela agiu me fez entrar no ‘modo pai protetor’ sabendo por tudo pelo que meu filho passou”, finalizou o homem.

Para os usuários do Reddit ele estava completamente em seu direito e agiu de forma correta: “Ela pediu ‘educadamente’ e seu filho recusou educadamente”.

“Essa mulher deveria se envergonhar de sua postura e você deve se orgulhar de seu filho que lidou com tudo isso de forma impecável”, afirmou outro usuário.

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias