Apresentado por:Personare

Personare

Tipos de vagina: descubra qual é o seu

Saiba quais dos 5 tipos de vagina é o seu e como cuidar de cada um

Tipos de vagina: descubra qual é o seu

Você sabia que existem 5 tipos de vagina? Cada corpo é único, e as características físicas e emocionais variam de pessoa para pessoa. Por isso, também devem ser cuidadas e estimuladas de forma diferente.

Neste artigo, explico quais são as diferenças entre os tipos de vagina, fazendo uma associação didática a personagens populares: Bela Adormecida, Malévola, Olívia Palito, Frozen e Mulher Maravilha.

Além de descrever cada uma, indico práticas para cuidar de cada tipo, conforme as suas necessidades, para ter mais saúde e prazer.

No entanto, é importante ressaltar que não existe uma forma “certa” ou “errada” de ser, um tipo melhor ou pior que outro. O que existe é a melhor forma de lidar com a vida e o seu corpo, conforme a sua realidade e individualidade.

Aqui, queremos contribuir com o seu autoconhecimento para poder viver uma vida mais realizada e feliz. 

Conheça os 5 tipos de vagina

1. Vagina Bela Adormecida

A vagina Bela Adormecida apresenta terminações nervosas calejadas, deixando-a adormecida, com pouca ou quase nenhuma sensibilidade. 

Por isso, a pessoa pode sentir prazer apenas com estimulação muito intensa no clitóris, não apreciando sexo oral, por conta da sensibilidade prejudicada. 

Pode sentir prazer apenas com estimulação muito intensa e prolongada no clitóris, como com uso de vibradores. Só que isso pode piorar ainda mais o quadro, pois o estímulo contínuo e “agressivo” caleja ainda mais a genital.  

Como cuidar da vagina Bela Adormecida? 

  1. Evitar sexo agressivo e rápido: foque mais nas preliminares e na estimulação mental antes da relação sexual.
  2. Autotoque consciente: veja aqui dicas de masturbação feminina, mas saiba que o mais importante, neste caso, é evitar o toque direto na vagina e optar por movimentos mais suaves.
  3. Exercícios para a sua musculatura vaginal: exercícios como o Pompoarismo, de forma personalizada como aqui no curso, aflora a região íntima, que começa a despertar. 

2. Vagina Malévola

A vagina Malévola parece ser forte e poderosa, mas esconde tensões, dores e feridas emocionais.

A pessoa com uma Malévola acredita que sua vagina é “apertadinha”, quando, na verdade, há tensão muscular decorrente de mágoas, medos, traumas, traições ou ressentimentos.

Essa tensão faz com que a pessoa sinta dor na relação, dificuldades em algumas posições sexuais ou ardência no início do canal vaginal. 

Casos mais severos podem até impedir a penetração (vaginismo), gerar infecção urinária (cistite) e candidíase de repetição. Entenda melhor a relação entre emoções e doenças ginecológicas aqui.

Como cuidar da vagina Malévola? 

  1. Relaxar a musculatura vaginal: é importante relaxar e eliminar as tensões para voltar a sentir prazer e acabar com as dores.
  2. Limpeza uterina: a Reconsagração do Ventre (saiba mais aqui) é uma vivência terapêutica que limpa as emoções acumuladas no útero e canal vaginal, relaxando sua musculatura e dissolvendo tensões.
  3. Tratamento médico: se já houver algum problema físico instalado, apenas limpar a emoção não será suficiente. Neste caso, é fundamental que o tratamento médico seja mantido. 

3. Vagina Olívia Palito

Como o nome já sugere, a vagina Olívia Palito possui fraqueza muscular, o que pode levar a confusão de ser considerada “larga”.

Na penetração, pode sentir dor no útero (especialmente na posição de quatro), pois a fraqueza muscular faz com que este órgão fique mais baixo. 

Além disso, a Olívia Palito pode recorrer mais ao sexo oral e preferir estímulos clitorianos, já que possui pouca sensibilidade e dificuldade em sentir prazer vaginal. Por isso, raramente chega ao orgasmo e tem baixa libido. 

Também é o tipo de vagina que solta “pum” durante a penetração, chamado de flatos vaginais. 

Por fim, a fraqueza da Olívia Palito pode fazer com que ela perca xixi involuntariamente e, em casos mais graves, desenvolver prolapso genital, conhecido como bexiga caída. 

Como cuidar da vagina Olívia Palito? 

  1. Fortalecer a musculatura vaginal: a forma mais eficaz, lúdica e fácil de fazer isso é por meio do Pompoarismo. Além de trabalhar a parte física, o uso das pedras trabalha suas emoções, potencializando os efeitos. 

4. Vagina Frozen 

Este tipo de vagina sofre de tensão e fraqueza muscular ao mesmo tempo. Por isso, na penetração, pode sentir-se “apertada”, mas depois perde a sensibilidade e a sensação é de vazio. 

Algumas vezes, pode ter prazer, mas em outras, sente dor nas paredes do canal vaginal ou dificuldade de penetração. Algumas pessoas também podem apresentar lubrificação em excesso.

A tensão muscular costuma gerar episódios frequentes de infecção de urina e baixa imunidade, abrindo espaço para que a candidíase se prolifere. 

Por último, a vagina Frozen também pode apresentar cheiro íntimo forte e corrimento vaginal sem explicação médica. 

Como cuidar da vagina Frozen? 

  1. Técnicas de relaxamento seguidas de fortalecimento: enquanto os exercícios de Pompoarismo fortalecem, a massagem perineal encontrada no curso aqui irá relaxar a sua musculatura, realizando o cuidado completo que você precisa. 

5. Vagina Mulher Maravilha

A última vagina a ser apresentada é a Mulher Maravilha — o sonho de toda pessoa! Sente prazer tanto no clitóris quanto na vagina e, por isso, consegue ter múltiplos orgasmos. 

Além disso, a pessoa com este tipo de vagina tem libido de sobra, ejacula e nunca sente dor na relação sexual.

Sua saúde íntima também está em dia, sem nunca apresentar problemas como candidíase, corrimentos, infecções de urina, etc. 

Para ter uma vagina Mulher Maravilha, é importante exercitar a musculatura vaginal para proporcionar mais prazer na relação sexual. Consequentemente, a pessoa recupera a libido e melhora a autoestima e a autoconfiança. 

Os exercícios também previnem e tratam doenças ginecológicas, além de regularizar problemas hormonais do ciclo menstrual. Por último, ainda prepara a pessoa para ter parto e pós-parto mais tranquilos. 

Dica final: baixe aqui gratuitamente o ebook Purificação do útero.

+ Saiba tudo sobre o seu jeito ser, desafios e potenciais. Faça o seu Mapa Astral aqui e leia uma amostra grátis.

+ Descubra oportunidades e desafios de Abril a Junho de 2022 nas suas Previsões Numerológicas, leia agora sua amostra grátis.

+ Quer mais previsões para o seu dia? Aqui tem um horóscopo gratuito baseado em todo o seu Mapa Astral, leia agora!

+ Tarot: tire 13 cartas e descubra o que pode rolar na sua vida nos próximos seis meses. Jogue agora!

Roberta Struzani

Terapeuta especializada em sexualidade e saúde ginecológica. Realiza atendimentos presenciais e online focados no autoconhecimento, na elevação da autoestima e na saúde do aparelho reprodutor feminino. Sua principal ferramenta de trabalho é o Pompoarismo.

fisioterapia.roberta@gmail.com

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos