Foco

Garoto de 12 anos abre fogo em escola na Finlândia e deixa três crianças feridas

Polícia ainda não sabe motivos do ataque

Mulher vai registrar boletim de ocorrência contra ex e é baleada por ele

Um tiroteio dentro de uma escola em Ventaa, sub úrbio de Helsinque, na capital da Finlândia, deixou três crianças feridas na manhã desta terça-feira, de acordo com a polícia local.

O que mais chamou a atenção da polícia é que o atirador era apenas um adolescente de 12 anos que estudava com mais 800 alunos na escola de ensino fundamental.

“O dia começou de uma forma horrível. Houve um tiroteio na escola Viertola, em Vantaa. Só posso imaginar a dor e a preocupação que muitas famílias estão sentindo neste momento. O suspeito do crime foi capturado”, disse a ministra do Interior, Mari Rantanen, no X, ex-Twitter.

Recomendados

O adolescente responsável pelos tiros foi detido e ainda não se sabe o que motivou o ataque e onde o jovem conseguiu a arma usada.

As crianças atingidas foram levadas para o hospital regional e o estado de saúde delas também não foi informado.

Em 2010 a Finlândia alterou sua legislação sobre porte de armas, alterando a idade mínima para obter o porte de 18 para 20 anos e introduzindo teste de aptidão par todos que pedirem uma licença de arma de fogo, mas a proporção de armas em relação à população no país é bem alto, são 1,5 milhão de armas licenciadas para um país de 5,6 milhões de habitantes.

OUTROS ATAQUES

A Finlândia teve dois grandes ataques em escola, em 2007 e 2008, quando um aluno matou seus estudantes, uma enfermeira e o diretor em uma escola de Helsinque e outra quando um estudante matou nove colegas e um funcionário de uma escola, e depois se matou.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos