Foco

‘Central do golpe virtual’: polícia de SP prende 29 suspeitos de enganar empresas para aplicar fraudes

Eles ofereciam um falso serviço de provedores de internet, que geravam dívidas de mais de R$ 3 mil

Eles aplicavam golpes contra empresas
Polícia prendeu 29 pessoas em 'central do golpe virtual', no Bom Retiro, no Centro de SP (Divulgação/SSP-SP)

ANÚNCIO

Uma operação da Polícia Civil acabou com uma “central do golpe virtual” que atuava no Bom Retiro, no Centro de São Paulo. Conforme as investigações, os suspeitos ofereciam um falso serviço de provedor de internet para empresas, que automaticamente gerava uma dívida de mais de R$ 3 mil. Depois, passavam a coagir as vítimas a fazerem o pagamento. No total, 29 pessoas acabaram presas.

ANÚNCIO

O flagrante ocorreu na última quarta-feira (21), quando os policiais do 24º Distrito Policial da Ponte Rasa estiveram na “central do golpe”. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), os suspeitos aplicaram as fraudes contra vários empresários atuantes no estado, sendo que uma das empresas teve um prejuízo de R$ 140 mil.

Os agentes apreenderam com o grupo celulares, computadores e documentos relacionados às atividades criminosas da quadrilha. Além disso, três adolescentes estavam no local, enquanto os golpes eram aplicados. Eles foram encaminhados aos seus devidos responsáveis.

Os 29 envolvidos foram levados para a delegacia e vão responder pelos crimes de estelionato, extorsão, associação criminosa, corrupção de menores, crime contra as relações de consumo e exercício ilegal de atividade.

Os nomes dos presos não foram revelados, assim, não foi possível localizar as defesas deles até a publicação desta reportagem.

ANÚNCIO

Tags


Últimas Notícias