Foco

Carnaval de SP: dois homens são presos com mais de 500 cartões de banco

Polícia acredita que eles eram os receptadores dos cartões roubados

Cartões apreendidos

Dois homens presos nos dois primeiros dias de carnaval de São Paulo escondiam, juntos, 520 cartões de bancos de terceiros e a polícia acredita que ambos eram receptadores que agiam próximo ao sambódromo do Anhembi, aplicando o ‘golpe da maquininha’.

Um deles é um homem de 38 anos que escondia dentro de uma bolsa 452 cartões, uma máquina de pagamento e um celular. Quando foi preso, na noite de sábado, na zona norte, ele não soube explicar aos policiais a origem dos cartões, mas alguns deles tinham registro de roubo e o homem preso já tinha ficha criminal por receptação.

A segunda prisão é de um jovem de 19 anos que escondia em seu corpo 71 cartões, também no sábado,  próximo a um bloco de rua, na zona sul de São Paulo, e levado para o 16º Distrito Policial, na Vila Clementino, suspeito de tentar clonar cartões.

A polícia está tentando identificar os donos dos cartões encontrados com os dois detidos para avaliar o prejuízo do roubo.

Golpe da Maquininha

Segundo os policiais, esses homens aplicam um tipo de golpe que é muito comum no carnaval, principalmente nos blocos de rua, quando há uma grande aglomeração de pessoas e muita bagunça, o ‘Golpe da Maquininha.

Neste golpe, bandidos se passam por vendedores ambulantes e quando alguém vai comprar um produto e faz o pagamento na maquininha eles devolvem cartões falsos e ficam com os originais.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos