Foco

Morto a pauladas e carbonizado: veja o que se sabe sobre a morte de médico neurologista no RJ

Ângelo Castro Cordeiro Lima, 76, foi encontrado sem vida e queimado em casa; suspeito foi preso

Suspeito foi preso

A Polícia Civil investiga a morte do médico neurologista Ângelo Castro Cordeiro Lima, de 76 anos, que foi encontrado carbonizado no quintal da casa em que morava, em Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro. Segundo a investigação, a vítima foi morta a pauladas e depois teve o corpo queimado. Um homem de 37 anos, apontado como o principal suspeito pelo crime, foi preso.

O caso aconteceu na terça-feira (19). A Polícia Militar foi acionada a respeito de uma denúncia de invasão a uma residência. No local, os agentes já encontraram o médico carbonizado no quintal.

O suspeito estava na casa e apontou uma arma para os militares. Ele acabou sendo baleado e foi levado ao Hospital Geral de Arraial do Cabo, onde segue mantido sob custódia. Com ele, foi apreendido um simulacro de revólver.

A polícia destacou que ainda faz diligências para descobrir a motivação do crime e que busca imagens de câmeras de segurança. O homem confessou que agrediu e matou o médico a pauladas. Depois, ateou fogo ao seu corpo, mas não detalhou o que o levou a fazer isso.

O corpo do médico foi levado para o Instituto Médico Legal de Cabo Frio, onde passa por exames periciais.

LEIA TAMBÉM:

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos