Foco

Julgamento do jogador Dani Alves já tem data marcada

Jogador brasileiro está preso em Barcelona, acusado de agressão sexual, desde janeiro

Funcionários da boate que socorreram a vítima também prestaram depoimento à Justiça

A data do julgamento do jogador brasileiro Dani Alves, acusado de estupro de uma jovem em uma boate em Barcelona, já foi fixada pela Justiça espanhola.

De acordo com a secção 21 do Tribunal de Barcelona, Dani Alves enfrenta a Justiça nos dias 5, 6 e 7 de fevereiro de 2024, a partir das 10h.

A advogada da vítima formalizou um pedido à Justiça para que o jogador seja condenado a 12 anos de prisão por agressão sexual.

Dani Alves está preso desde  20 de janeiro, após uma jovem de 23 anos denunciá-lo por estupro que teria ocorrido na boate Sutton, em 30 de dezembro do ano passado.

Durante todos esses meses, a defesa do jogador tentou conseguir sua liberdade provisória, mas o pedido foi negado por três vezes pela Justiça espanhola, alegando que a probabilidade de fuga do atleta brasileiro era muito grande.

Os advogados que o representam também tentaram conseguir um ‘acordo de conformidade’, onde Dani pagaria uma quantia generosa, assumiria o estupro e cumpriria uma pena de apenas três anos em troca de não ir a julgamento, onde corre o risco de pegar mais de 10 anos.

Segundo a imprensa espanhola, as negociações estavam paradas porque a vítima não aceitaria uma pena inferior a quatro anos de cadeia para o lateral.

O jogador já pagou R$ 800 mil à Justiça Espanhola como “atenuante de reparação de dano causado”, agora a defesa torce por um acordo rápido, porque esse estratagema só tem valor se sair antes da data do julgamento.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos