Foco

O velocista Rodrigo Corrêa Gallina faz sensação e conquista duas medalhas de ouro no Pan de Santiago 2023

O calouro da equipe brasileira de revezamento 4x100m, ganha dois títulos continentais em poucos minutos e entra para a história

Jogos Pan-americanos Santiago 2023 - Atletismo

Na sua estreia em Jogos Panamericanos, em Santiago, Renan Corrêa Gallina acaba de conquistar um feito raro: no espaço de minutos este paranaense de 19 anos conquistou duas medalhas de ouro para a equipe de Atletismo do Brasil, nos Jogos Panamericanos de Santiago.

Na sua primeira exibição na pista do Estádio Nacional, Gallina dominou a prova dos 200 metros rasos. Venceu, de ponta a ponta, com o tempo de 20s37. Cravou 19 décimos de segundo à frente do dominicano José Gonzalez. Nadale Buntin, de Saint-Kittis e Nevis foi o terceiro colocado.

Jogos Pan-americanos Santiago 2023 - Atletismo

No revezamento 4x100 metros, coube a Gallina, por sinal o calouro do time, a missão de fechar a prova pela equipe brasileira. E , novamente, ele deu conta do recado, cruzando a linha de chegada com passadas seguras e ligeiras.

“Fiz o sacrifício de competir em duas finais, quase seguidas, e deu tudo certo”, disse sensação da noite, logo depois do revezamento histórico. Isso aconteceu porque um dos atletas do time, Paulo André se machucou. “Fechar o revezamento é a melhor sensação: dá para dar um gás no final.” Atrás da equipe brasileira chegaram Cuba e Argentina.

Com duas medalhas de ouro panamericanas para o seu currículo, não faz oito anos que Gallina começou a correr Ele foi descoberto, por acaso, quando tinha 12 anos em uma competição em Maringá,a cidade em que nasceu. Apesar de inexperiente, chamou a atenção da técnica Sandra Crul e foi convidado por ela a treinar. E ele deslanchiu. Há algumas horas, o novo fenômeno do Atletismo brasileiro começou a fazer seu nome no mundo das pistas.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos