Foco

Pelé volta a ser internado às pressas em São Paulo; tratamento contra câncer não evoliu, dizem médicos

Rei do Futebol passa por exames após apresentar inchaço, insuficiência cardíaca e confusão mental

O ex-jogador Pelé, de 82 anos, voltou a ser internado às pressas na manhã desta terça-feira (30), no Hospital Albert Einstein, na Zona Sul de São Paulo. Segundo informações da ESPN, ele foi levado até a unidade pela esposa, Márcia Aoki, e por um cuidador, após apresentar um quadro de inchaço generalizado e uma “insuficiência cardíaca descompensada”.

Ainda segundo a reportagem, o Rei do Futebol também apresentava síndrome edemigêmica (edema generalizado) e um quadro de confusão mental.

Apesar de tudo, o que preocupa a equipe médica é que a quimioterapia a que ele foi submetido nos últimos meses, com o objetivo de evitar o crescimento de tumores pelo corpo do ex-atleta, não tem mais apresentado respostas.

Recomendados

Assim, ele foi novamente internado e deve passar por uma nova bateria de exames. Ainda não há previsão de alta médica.

Filha de Pelé, Kely Nascimento, de 55 anos, que está no Catar acompanhando os jogos da Copa, postou a seguinte mensagem em seu Instagram nesta manhã e tranquilizou os fãs do pai:

“A media (sic) está surtando novamente e eu quero vir aqui abafar um pouquinho. Meu pai está internado, está regulando medicamento. EU não estou pulando num voo para correr lá. Os meus irmãos estão no Brazil (sic) visitando e eu vou no ano novo. Não tem surpresa nem emergência. Agradecemos muito todo carinho e amor que vocês transmitem!!”.

Ela está no Catar

Antes do início da Copa do Mundo, o Rei do Futebol chegou a fazer postagens nas redes sociais dizendo que estava ansioso para acompanhar os jogos.

“São apenas mais dez dias até a Copa do Mundo e eu mal posso esperar para ver nossa Seleção entrar em campo. Podem até achar que estou confiante demais, mas sinto que veremos o Brasil vitorioso novamente”, escreveu Pelé.

Outras internações

Em setembro do ano passado, o Rei do Futebol foi submetido a uma cirurgia para retirada do tumor no cólon. Na ocasião, ele ficou quase um mês internado, ficando parte do período na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Em fevereiro deste ano, Pelé foi internado no Albert Einsten para tratar uma infecção urinária. Em abril, voltou ao mesmo hospital em meio ao tratamento do tumor no cólon. Na ocasião, ficou mais alguns dias internado e recebeu alta.

LEIA TAMBÉM:

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos