Foco

Acordo acaba com greve dos ônibus em São Paulo, diz prefeito

Prefeito disse que liberou subsídio e empresas aceitaram as reivindicações da categoria

O prefeito Ricardo Nunes (MDB) informou que um acordo entre o sindicato dos motoristas e os donos das empresas de ônibus de São Paulo encerrou a greve deflagrada nesta manhã desta terça-feira.

Segundo o prefeito, a administração pública liberou verba para subsídios e os empresários concordaram em dar o aumento de 12,47% retroativo ao mês de maio, principal ponto de discordância entre as partes.

Em nota, a SPTrans informou: “O atendimento nas 713 linhas paralisadas está sendo retomado de forma gradativa e deverá se normalizar até o fim do dia. A SPTrans monitora o retorno da frota da cidade para minimizar os impactos na população.”

Com isso, segundo Ricardo Nunes, todas as linhas de ônibus da Capital estão retomando o serviço de forma gradativa e o fluxo de ônibus deverá se normalizar até o final da tarde. A categoria reivindicava ainda que o mesmo valor do reajuste reincidisse no vale-refeição e na participação dos lucros da empresa.

A GREVE

No início da manhã desta terça, 713 linhas da capital, que representam 6,5 mil ônibus paralisaram as atividades, afetando diretamente 1,5 milhão de pessoas em São Paulo.

RODÍZIO E FAIXAS EXCLUSIVAS

Em função da greve no transporte público, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) suspendeu o rodízio municipal de veículos e liberou as faixas exclusivas e os corredores de ônibus para carros particulares. A liberação continua valendo na tarde desta terça-feira.

Veja abaixo a relação de empresas que foram paralisadas pela greve e estão retomando o atendimento:

Santa Brígida (Zona Norte);

Gato Preto (Zona Norte);

Sambaíba (Zona Norte);

Express (Zona Leste);

Viação Metrópole (Zona Leste);

Ambiental (Zona Leste);

Via Sudeste (Zona Sudeste);

Campo Belo (Zona Sul);

Viação Grajaú (Zona Sul);

Gatusa (Zona Sul);

KBPX (Zona Sul);

MobiBrasil (Zona Sul);

Viação Metrópole (Zona Sul);

Transppass (Zona Oeste);

Gato Preto (Zona Oeste).

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos