Foco

São Paulo começa a aplicar dose adicional da vacina contra a covid-19 em idosos acima de 70 anos

Grupo, estimado em estimado em 174.198 pessoas, vai receber o imunizante da Pfizer

A cidade de São Paulo começa nesta segunda-feira (27) a aplicar a dose adicional da vacina contra a covid-19 em idosos acima de 70 anos que tomaram a segunda dose há mais de seis meses.

Segundo a Prefeitura, o novo público-alvo é estimado em 174.198 pessoas. Todos devem receber o imunizante da Pfizer.

LEIA TAMBÉM:

  1. ‘Sextorsão’: Polícia alerta para cuidado com envio de ‘nudes’ e como evitar ser vítima de golpistas
  2. Auxílio emergencial é pago a beneficiários do Bolsa Família com NIS 7
  3. Testes ajudam a escolher remédio para depressão

Além dos idosos, pessoas com alto grau de imunossupressão com mais de 18 anos que tomaram a última dose do esquema vacinal (segunda dose ou dose única) há pelo menos 28 dias, exceto gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto), também já podem se vacinar.

Quem tem mais de 12 anos e ainda não tomou a primeira dose também deve procurar um posto de vacinação na cidade. Toda a rede está aberta para atender ao público elegível. Os endereços podem ser conferidos aqui.

O que levar

Todos que forem se vacinar devem levar o cartão de vacinação, CPF e cartão do SUS. Quem vai tomar ainda a primeira dose deve levar também um comprovante de residência. Caso esse comprovante esteja em nome de terceiros, é necessário comprovar o parentesco.

No caso dos adolescentes, vale lembrar que devem estar acompanhado de pais ou responsáveis, ou, na falta deles, de adulto com declaração assinada pelos pais.

De Olho na Fila

A Secretaria Municipal de Saúde recomenda a todos que forem se vacinar que antes de se dirigirem aos postos confiram o site De Olho na Fila para ver se há aglomeração e as vacinas disponíveis para serem aplicadas na população.

Tags

Últimas Notícias


Nós recomendamos