Governo de São Paulo anuncia 100 mil bolsas-auxílio para desempregados

Por Metro World News

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta segunda-feira (dia 22) duas iniciativas que devem beneficiar 100 mil paulistas desempregados neste ano.

Tratam-se do programa Bolsa-Trabalho – que tem o objetivo de oferecer bolsa-auxílio e qualificação profissional online para a população desempregada – e o Via Rápida, que a partir do mês de março contará com bolsa para os estudantes matriculados em cursos.

Leia também: 

O Bolsa-Trabalho é uma reformulação do PEAD (Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego). A proposta será enviada à Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo).

O projeto deverá beneficiar 70 mil bolsistas até o final do ano. As principais mudanças na proposta são o aumento do auxílio, a possibilidade de órgãos públicos (como prefeituras) ampliarem as bolsas, qualificação profissional online e inclusão de novos serviços de trabalho.

Com o novo programa, a expectativa é que os beneficiários recebam bolsa-auxílio de R$ 450 por até cinco meses.

Já o Via Rápida funcionará da seguinte forma: a partir da primeira semana de março, os estudantes que se inscreverem nos cursos de qualificação do programa receberão uma bolsa única de R$ 210 como ajuda de custo no transporte e alimentação. Até o final de 2021, serão ofertadas 30 mil vagas de qualificação profissional com bolsa-auxílio.

Os cursos ocorrerão tanto de maneira presencial quanto remota, com 10 opções de áreas profissionais de escolha dos alunos. As aulas presenciais deverão ocorrer em 29 unidades móveis ou espaços oferecidos pelo Centro Paula Souza, Senac e municípios.

As informações sobre o auxílio do programa Via Rápida poderão ser consultadas no site.

Loading...
Revisa el siguiente artículo