Sem Carnaval, força-tarefa autua 22 festas clandestinas em São Paulo

Por Metro

As festas de Carnaval foram oficialmente canceladas em razão da pandemia do novo coronavírus, mas mesmo assim as autoridades intensificaram as operações para evitar eventuais aglomerações.

Só entre sexta-feira e sábado, 62 inspeções foram realizadas na capital, que resultaram em 22 autuações em bares, baladas e eventos clandestinos, segundo balanço preliminar da secretaria estadual da Saúde.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

As ações em conjunto entre prefeitura e governo do estado seguem até quarta-feira e têm participação das polícias Militar e Civil, da CGM (Guarda Civil Metropolitana e de equipes da vigilância sanitária.

O descumprimento das regras impostas pela quarentena do Plano São Paulo, com base no Código Sanitário, prevê multa de até R$ 290 mil. Pela falta do uso de máscara, a multa é de R$ 5.278 por estabelecimento – por cada infrator. Pessoas  que estiverem em espaços coletivos também podem ser multadas em R$ 551,00 pelo não uso da proteção facial.

Loading...
Revisa el siguiente artículo