logo
/ Reprodução / Reprodução
Foco 27/10/2020

Justiça libera bens bloqueados de Doria

O Tribunal de Justiça de São Paulo atendeu a um recurso da defesa do governador João Doria (PSDB) e suspendeu na segunda-feira (26) a decisão que bloqueou R$ 29,4 milhões em bens do tucano por suposto uso indevido de verbas públicas quando era prefeito da capital paulista.

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

A desembargadora Ana Liarte, da 4ª Câmara de Direito Público, entendeu que os indícios de irregularidades na publicidade do programa Asfalto Novo, apresentados pelo MP (Ministério Público), não são suficientes para justificar o bloqueio de bens.

O MP acusa Doria de ter usado o programa para fazer propaganda pessoal durante sua gestão na prefeitura, entre 2017 e 2018. O governador é réu neste processo e responde por improbidade administrativa.