Foco

Queiroz morava na casa do advogado de Flávio Bolsonaro há um ano, dizem testemunhas

Saiba detalhes da operação que prendeu o ex-assessor do filho do presidente Jair Bolsonaro

ANÚNCIO

Fabrício Queiroz morava na casa em Atibaia, no interior de São Paulo, onde foi preso no início da manhã desta quinta-feira (18), há cerca de um ano. Foi o que apurou o delegado Nico Gonçalves, em entrevista ao canal GloboNews, segundo relatos de moradores da região.

ANÚNCIO

O imóvel pertence a Frederick Wasseff, advogado do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), a quem Queiroz foi assessor quando o político era deputado estadual na Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro).

Em entrevistas em setembro do ano passado, Wasseff negou saber o paradeiro de Queiroz. Ele deve ser convocado pela polícia para esclarecer porque o ex-assessor de Flavio Bolsonaro morava em sua casa.

Além da prisão de Queiroz, foram apreendidos dois celulares, documentos e um malote com dinheiro – a quantia não foi especificada. Policiais tiveram que arrombar o portão do imóvel e, depois, a porta da casa

O alvo da operação dormia no momento da prisão, e não resistiu. Segundo o delegado, ele afirmou que estava com a saúde debilitada. Queiroz foi levado a uma base do IML (Instituto Médico Legal) para exame corpo delito e encaminhado para um prédio da Polícia Civil no centro de São Paulo.

Leia mais sobre a prisão de Queiroz:
Operação que prendeu Queiroz faz busca e apreensão em casa de Bolsonaro
Fabrício Queiroz é preso em Atibaia, interior de São Paulo

ANÚNCIO

Recomendado:

Tags


Últimas Notícias